quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Onde me levas rio que cantei - Poema de Eugénio de Andrade




Onde me levas, rio que cantei,
esperança destes olhos que molhei
de pura solidão e desencanto?
Onde me levas?, que me custa tanto.

Não quero que conduzas ao silêncio
duma noite maior e mais completa,
com anjos tristes a medir os gestos
da hora mais contrária e mais secreta.

Deixa-me na terra de sabor amargo
como o coração dos frutos bravos,
pátria minha de fundos desenganos,
mas com sonhos, com prantos, com espasmos.

Canção, vai para além de quanto escrevo
e rasga esta sombra que me cerca.
Há outra face na vida transbordante:
que seja nessa face que me perca.


Eugénio de Andrade

9 comentários:

  1. Lindo poema, ótima escolha.
    Beijinhos, Léah

    ResponderEliminar
  2. Maravilhoso poema querida amiga ,desejo-lhe um feriado cheio de alegria ,muitos beijinhos

    ResponderEliminar
  3. É magnífico este poema!
    Em pensamentos da Gracinha ... falo sobre o TEMPO ... cada vez mais precioso!!!
    Bom feriado amiga!!!

    ResponderEliminar
  4. Excelente poema do Eugénio de Andrade.
    Um abraço e continuação de uma boa semana.
    Andarilhar

    ResponderEliminar
  5. Parabéns pela escolha. Lindo demais.

    Beijinhos
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Gosto de Eugénio de Andrade. No próximo dia 12, vai haver aqui no Barreiro uma tertúlia de poesia, dedicada a Eugénio de Andrade.

    ResponderEliminar
  7. Oi Maria, bt!
    Que poema lindo, eu não conhecia. Parabéns por mais essa bela escolha!
    Bjsss amiga

    ResponderEliminar
  8. Excelente escolha, MR
    ~~~ Abraço ~~~~~~~

    ResponderEliminar
  9. Um grande poema dum poeta ilustre.
    Gosto muito.
    Beijinhos

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.