Páginas

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

1 Feliz Aniversário Gatinho


Hoje dia 30 de Novembro é um dia Especial, pois o meu António faz anos.
Para a minha alma gémea, para alguém que me ouve e compreende, para alguém que têm paciência quando eu estou completamente stressada, para alguém muito, muito ESPECIAL que eu Adoro, eu desejo um dia muito feliz.


As sem-razões do amor

Eu te amo porque te amo.
Não precisas ser amante,
e nem sempre sabe sê-lo.
Eu te amo porque te amo.
Amor é estado de graça
e com amor não se paga.

Amor é dado de graça,
é semeado no vento,
na cachoeira, no eclipse.
Amor foge a dicionários
e a regulamentos vários.

Eu te amo porque te amo
bastante ou demais a mim.
Porque amor não se troca,
não se conjuga nem se ama.
Porque amor é amor a nada,
feliz e forte em si mesmo.

Amor é primo da morte,
e da morte vencedor,
por mais que o matem (e matam)
a cada instante de amor.

Autor: Carlos Drummond de Andrade


"O verdadeiro amor nunca se desgasta. Quanto mais se dá mais se tem." (Antoine de Saint-Exupéry)

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

0 Dicas para contrariar a tendência da Alzheimer

Como já anteriormente falei, o meu pai têm Alzheimer. Ouvimos frequentemente falar sobre o que é a Alzheimer e pensamos que compreendemos a dimensão da doença, mas Hoje, sou de opinião que vai um abismo enorme entre ouvirmos falar mas não termos contacto directo com o problema e termos de acompanhar diariamente alguém com esta doença.

Fico terrivelmente triste por ver o meu pai, um homem extraordinário, perder a clareza de raciocínio, a objectividade, o vocabulário, a capacidade de expressar as suas ideias.

Louvo a minha mãe e todas as pessoas que têm de conviver e tratar de doentes com Alzheimer durante as 24 horas do dia. É uma tarefa que desgasta física e psicologicamente e é necessário ter uma vontade de ferro para se conseguir levar “ o barco a bom porto”.

Eu acompanho apenas parcialmente, pois só no final da tarde quando regresso do emprego, é que é possível ir ver os meus pais e tentar (o melhor que consigo), dar uma ajudinha levantando um pouco o ânimo da minha mãe e animando um pouco o ambiente lá em casa.

Esta doença “rouba” a personalidade ao meu pai, a “alegria” à minha mãe e a mim enche-me o coração de mágoa e dor por não os poder auxiliar mais, por não ter o “poder” de lhes dar saúde e tudo o que eles merecem, só posso pedir a Deus que os acompanhe e os guarde.

Hoje ao receber um email de uma amiga sobre esta doença, achei que devia de partilhar a informação, já não ajuda em relação ao meu pai, mas é um alerta para mim e talvez para muitas outras pessoas, são dicas simples que talvez ajudem no futuro, quem sabe, pelo menos à que tentar.

Dicas para contrariar tendência da Alzheimer

Uma descoberta dentro da Neurociência vem revelar que o cérebro mantém a capacidade extraordinária de crescer e mudar o padrão de suas conexões.

Os autores desta descoberta, Lawrence Katz e Manning Rubin (2000) Revelam que NEURÓBICA, a 'aeróbica dos neurônios', é uma nova forma de exercício cerebral projectada para manter o cérebro ágil e saudável, criando novos e diferentes padrões de atividades dos neurônios em seu cérebro. Cerca de 80% do nosso dia-a-dia é ocupado por rotinas que, apesar de terem a vantagem de reduzir o esforço intelectual, escondem um efeito perverso; limitam o cérebro.

Para contrariar essa tendência, é necessário praticar exercícios 'cerebrais' que fazem as pessoas pensarem somente no que estão fazendo, concentrando-se na tarefa. O desafio da NEURÓBICA é fazer tudo aquilo que contraria as rotinas, obrigando o cérebro a um trabalho adicional.

Dicas:

- Usar o relógio de pulso no braço direito;
- Escovar os dentes com a mão contrária da de costume;
- Andar pela casa de trás para frente;
- Vestir-se de olhos fechados;
- Estimular o paladar, comer coisas diferentes;
- Ver fotos de cabeça para baixo;
- Ver as horas num espelho;
- Utilizar um novo percurso na deslocação para o trabalho.


São dicas simples que podemos tentar seguir, pelo menos de vez em quando, também li alguns artigos na NET, em que se frisava a importância de estimular o cérebro com leitura, escrevendo ou fazendo palavras cruzadas.
Este ano comecei este Blog e para mim foi uma lufada de ar fresco, pois adoro pesquisar, procurar fotos, compor novos artigos, pensar em novos temas que considero importantes e que quero partilhar, enfim penso que cada um de nós deve procurar fazer algo fora da rotina habitual, que “ocupe e faça funcionar “ o seu cérebro de maneira, a ele continuar operacional até ao final dos nossos dias.

A Alzheimer é uma doença terrível para quem a têm e para quem acompanha, se uma mudança de comportamento pode de alguma maneira ajudar, Vale a pena tentar !


“A próxima fronteira não está somente à sua frente, ela está dentro de si.” (Robert K. Cooper)

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

2 Leonardo da Vinci - Um dos maiores Génios da Humanidade


Leonardo da Vinci é considerado por muitos historiadores como o maior génio da história. Era um homem de infinita curiosidade e com uma versatilidade espantosa, foi escritor, cientista, músico, arquitecto, escultor, engenheiro. Foi o melhor de seu tempo em quase todos estes campos. Foi o melhor de todos os tempos na pintura.



Leonardo da Vinci foi um homem que pela genialidade revelada, transcendeu em muito os limites do seu tempo.

Da Vinci nasceu a 15 de Abril de 1452, existem dúvidas sobre o lugar de seu nascimento: para alguns historiadores, seu berço foi uma casa de Anchiano, uma localidade de Vinci, enquanto para outros, foi o próprio lugar de Vinci, situado na margem direita do rio Arno, perto dos montes Albanos, entre Florença e Pisa. Filho de Piero da Vinci, um escrivão, e de uma jovem camponesa chamada Caterina.
O seu talento artístico cedo se revelou, mostrando excepcional habilidade na geometria, na música e na expressão artística. Era também um excelente desportista, óptimo nadador e cavaleiro e engenhoso artesão e mecânico.


Em 1470, Piero da Vinci Reconhecendo as capacidades do seu filho, mostrou alguns dos seus desenhos a Andrea del Verrocchio, célebre professor em Florença. O grande mestre da renascença, percebendo o talento de Leonardo, recebeu-o em sua casa como aprendiz, até 1477. Com ele, Leonardo aprendeu as técnicas da pintura e escultura, bem como técnicas artesanais como as de ferreiro e mecânico. O seu primeiro trabalho foi um desenho do Vale do Rio Arno de 1473. Em 1476 Verrochio e Leonardo da Vinci pintam juntos O Baptismo de Cristo.


Em 1482 Leonardo muda-se para Milão, onde passou a trabalhar para o duque Ludovico Sforza, para quem realizou como engenheiro, várias construções militares. Nesta época, pintou algumas de suas obras-primas, entre elas, a primeira versão de A Virgem dos Rochedos em 1483. Em 1497 pintou o mural para o refeitório do mosteiro de Santa Maria delle Grazie, a conhecida obra A última Ceia.



Em 1499, quando Milão foi conquistada por Luís XII, Leonardo abandonou a cidade e voltou para Florença, já como artista consagrado. Em 1502 decidiu acompanhar Cesare Borgia na campanha de Romagna, como arquiteto e engenheiro militar.
Em 1503 Leonardo da Vinci começa a pintar o famoso e polémico quadro da esposa do mercador Francesco del Giocondo, a Mona Lisa, terminou-o três ou quatro anos mais tarde. A pintura a óleo sobre madeira de álamo encontra-se exposta no Museu do Louvre, em Paris, e é a maior atração do museu.



Em 1508 Leonardo da Vinci retorna a Milão, onde se dedica a seus estudos de anatomia, óptica e engenharia hidráulica, mas com a queda do domínio dos Sforzas muda-se para Roma em 1513, sob a protecção de Giuliano dei Medici, irmão do Papa Leão X. Neste período Leonardo da Vinci pinta a segunda versão da Virgem dos rochedos em 1508.




Em Roma havia intenso movimento cultural, que se revelou adverso a Leonardo, tanto por suas experiências científicas mal interpretadas, como pela presença de uma geração mais jovem de artistas que conquistava a preferência dos nobres. Então Leonardo da Vinci aceita o convite de Francisco I, sucessor de Luís XII no trono da França, para morar em Cloux, perto de Ambrosie.
Na França, Leonardo da Vinci viveu seus últimos dias, morrendo a 2 de maio de 1519 com 67 anos, após receber os sacramentos da Igreja. Morreu nos braços do rei Francisco I. Leonardo da Vinci foi enterrado na Capela de São Hubert no Castelo de Amboise.



Por testamento, Da Vinci legou ao seu pupilo favorito Francesco Meltzi todo o seu espólio. Cerca de 5.000 páginas de manuscritos e desenhos, incluindo roupas, dinheiro, livros, instrumentos de pintura e retratos, considerado a maior colecção de todo o Renascimento. Melzi preservou cuidadosamente a herança, mas com sua morte, cerca de cinquenta anos após a do mestre, os manuscritos dispersaram-se.

Principais trabalhos de da Vinci

Trabalhos de pinturas (artes plásticas):
Gioconda (Monalisa) , Leda, Dama do Arminho, Anunciação, A Última Ceia, Ginevra de Benci, São Jerônimo, Adoração dos Magos, Madona das Rochas, Retrato de Músico, São João Batista, Madona do Fuso, Leda e o Cisne, Madonna Litta.


Trabalhos de invenções:
Projectos de máquina voadora, máquina escavadora, isqueiro, besta gigante sobre rodas, máquina a vapor, submarino.



Trabalhos Científicos:
Homem vitruviano, anatomia do tronco, estudo de pé e perna, anatomia do olho, estudo da gravidez, estudos e embriões.



Projectos de Arquitectura :
Projecto arquitectónico de uma cidade, templo centralizado, projecto de um porto.


 
É fundamentalmente como pintor que é reconhecido. De todas as artes, a pintura era para Leonardo a mais sublime. Chamava-lhe “A ciência divina da pintura”.

Principais características das pinturas de da Vinci

Utilização da técnica artística da perspectiva, uso de cores próximas da realidade, figuras humanas perfeitas, temas religiosos, uso da matemática em cálculos artísticos, imagens principais centralizadas, paisagens de fundo, figuras humanas com com expressões de sentimento, detalhismo artístico.

Não se sabe muito mais acerca da educação e formação do artista, no entanto, muitos autores afirmam que o seu conhecimento não provém de fontes tradicionais, mas sim da observação pessoal e da aplicação prática das suas ideias.

Curiosidades sobre Leonardo da Vinci
Leonardo da Vinci era canhoto e, numa época em que os canhotos eram tidos como enviados do diabo, a teimosia de Leonardo em continuar a escrever com a mão esquerda foi causa de alguns dissabores. Além disso, Leonardo escrevia também da direita para a esquerda, sendo apenas possível a leitura dos seus textos em frente a um espelho.

Leonardo Da Vinci planificou várias máquinas voadoras, entre elas, o parafuso aéreo que inspirou o primeiro modelo de helicóptero!

Leonardo da Vinci desenhou o que se pensa ser o primeiro fato de mergulho funcional do mundo, apesar de tal feito ter sido atribuído ao alemão Karl Heinrich Klingert em 1797.

Nos seus esboços, Leonardo Da Vinci desenhava as suas invenções com defeitos, isto é, com pequenos erros para que só ele soubesse como fazê-las funcionar correctamente.

Da Vinci destacou-se em diversas áreas como a engenharia, a medicina e a arte.
Na medicina, por exemplo, Leonardo descobriu a razão pela qual as pessoas morrem de velhice (acumulação de substâncias que vão precipitando nos vasos sanguíneos, estreitando-os). Exceptuando a palavra colesterol, Da Vinci fez uma descoberta do séc. XXI em pleno séc. XV.

Leonardo esboçou várias máquinas de guerra entre elas, um tanque de combate e catapultas de contra-peso e braço flexível, contribuindo assim para o avanço da engenharia militar. No entanto, apenas o fazia como meio de subsistência na medida em que mostrava um enorme desprezo pelas guerras humanas.

Pouco se sabe sobre a sua vida pessoal, os seus amores, a sua saúde, mas sabe-se que a atitude de Leonardo perante o mundo do século XV era diferente.

Sedento de saber mas ainda mais de fazer bem, tinha como lema “non mi sazio di giovare” (não me canso de ajudar).

Leonardo da Vinci foi um dos grandes mestres do Renascimento, um dos génios mais extraordinários de todos os tempos. Uma personalidade impar na história da humanidade.

Fontes: Drawings of Leonardo da Vinci ,Leonardo da Vinci - by Le Cagot, Enciclopédia Larousse, Leonardo Da Vinci : Origins of a Genius, projecto da vinci, Leonardo Da Vinci: Um Génio Universal, Wikipédia, Suapesquisa





segunda-feira, 23 de novembro de 2009

8 Países Baixos (Holanda) - Netherlands


Viajar sem sair de casa
Por vezes não é possível viajar, as razões podem ser várias, falta de dinheiro, de saúde, idade avançada, enfim podem existir diferentes factores e motivos. No entanto, isso não deve ser impeditivo de conhecer novos locais e costumes, podemos viajar sem sair da nossa cadeira, vendo fotografias que nos transportam, se assim a nossa predisposição quiser, a lugares longínquos.
Para todos os que gostam de viajar, nem que seja através da imaginação, vou passar a colocar no meu blog fotos e informações, que nos vão permitir conhecer um pouco mais outras terras e culturas.


Hoje vamos viajar até … HOLANDA - Netherlands.

Boa viagem!


Foto: http://1ms.net

Os Holandeses costumam afirmar orgulhosos que Deus criou o mundo e os holandeses, a Holanda. Eles fizeram um milagre com seu terreno pantanoso, construindo diques, criando terras férteis e erguendo cidades.

A Holanda – cuja denominação oficial é a de Países Baixos, compreendendo a Holanda do Norte e a Holanda do Sul – faz fronteira com a Bélgica a Sul, a Alemanha a Leste e o Mar do Norte, a Norte e Oeste, sendo um país “conquistado ao mar”.



A sua moeda é o euro. O clima é temperado marítimo com verões suaves e invernos frios as temperaturas podem chegar a –20ºC no Inverno, e a cerca de 28ºC durante o verão.
Tipo de Governo: Monarquia constitucional (o rei é o representante, mas as leis e outras decisões são feitas pelos ministros).

A bandeira nacional dos Países Baixos três faixas horizontais iguais vermelho, branco e azul, é a tricolor mais antiga do mundo.

O Brasão de Armas dos Países Baixos), (Grote Rijkswapen - Grande brasão de armas do Reino) é o símbolo da monarquia neerlandesa. Foi adoptado por decreto do rei Guilherme I em 24 de Agosto de 1815 pela constituição do Reino dos Países Baixos. É uma combinação do brasão de armas de Orange-Nassau e da Holanda.

A capital é Amesterdão ( Amsterdam) e a maior cidade dos Países Baixos, situada na província Holanda do Norte. Seu nome é derivado de uma represa (dam) no rio Amstel, o rio onde fica a cidade. A cidade é conhecida por seu porto histórico, seus museus de fama internacional, a Rua vermelha (Red Light District), seus coffeeshops liberais, e seus inúmeros canais que levaram Amesterdão a ser chamada a "Veneza do Norte".


Foto: Pessoal

PONTOS TURÍSTICOS E CULTURAIS:
Museu Van Gogh, Museu Marítimo (Scheepvaart Museum), Casa de Ana Frank, o Stedelijk Museum com obras de Monet e Cèzanne, o Rijksmuseum com diversas obras do famoso pintor Holandês Rembrandt, Oudekerk, igreja em plena zona vermelha, o Palácio Real de Amesterdao encontra-se frente ao Monumento Nacional de Dam, entre outros.

 Foto: Pessoal

Um aspecto notável do país é o fato de ser extremamente plano. Aproximadamente metade do território fica a menos de 1 metro acima do nível do mar, e boa parte das terras estão, de facto, abaixo do nível do mar. O ponto mais alto, Vaalserberg, na fronteira sudeste, localiza-se a uma altitude de 321 m. Muitas áreas baixas estão protegidas por diques e barragens. Partes dos Países Baixos, inclusive quase toda a moderna província da Flevolândia, foram conquistadas ao mar - estas áreas são conhecidas como polderes.

A população holandesa é uma mistura dos povos que habitaram o país, entre eles, os frísios, os francos e os saxões. O idioma oficial é o holandês, que também é uma das línguas oficiais da União Europeia.

Foto: Pessoal

Grande parte da população tem bons conhecimentos de inglês e alemão. A liberdade religiosa é garantida pela Constituição. As religiões mais praticadas são o catolicismo e o protestantismo.

A Holanda é um dos países mais densamente povoados do mundo. Quase 90 por cento da população neerlandesa vive em áreas urbanas.

As quatro maiores cidades (Amsterdam, Rotterdam, Haia e Utrecht) formam os limites da assim chamada "Randstad", uma região em forma de círculo com a maior concentração da população urbana do país e ao mesmo tempo o seu coração económico.

Os holandeses são conhecidos pelos seus diques, tulipas, moinhos, tamancos e sua tolerância social.


Foto: Pessoal

Os Moinhos são uma vista comum em toda a Holanda e tem sido usados desde o século 14 para bombear água das terras abaixo do nível do mar, conquistar mais terreno mar adentro, permitindo aumentar o território da Holanda com a construção de novos diques, mas também para moer trigo, cacau, no preparo da cerâmica e em muitas outras actividades do dia a dia.

Foto: Pessoal

A Holanda tem a sexta maior economia da Europa. É altamente industrializada e eficiente. Os sectores que mais contribuem são, serviços (50%), a indústria (36%) principalmente as indústrias química, electrónica e automóvel, Governamental (6%), agricultura (altamente mecanizada) e pesca (3%) e a exploração de petróleo e de gás natural também com uma importância económica significativa (2%).

A Gastronomia Holandesa tem uma longa tradição no que se refere às receitas ou nas combinações de pratos. Produtos locais são os mais usados nas receitas, como produtos lácteos, cereais, carnes, legumes e frutas, o peixe também é parte essencial na gastronomia do país. Há também muita influência de outras culturas na cozinha holandesa, muitos ingredientes trazidos da Indonésia são usados pelos holandeses. O povo holandês gosta muito de coisas doces, uma guloseima típica da Holanda é o drop , feito de raiz doce, sais, açucares, aglutinantes e outros aromatizantes.

Embora Amsterdão seja a capital constitucional, Haia tem a sede do governo, a residência real e a maior parte das embaixadas.

Haya (Den Haag ou 's-Gravenhage em holandês)
Apesar de não ser formalmente a capital do país, Haia é de facto a capital política da Holanda (desde o século XIII) sendo a sede do governo e parlamento, além de albergar a residência da Família Real. O centro histórico concentra-se em redor do Binnenhof, o complexo governativo onde se situa o Parlamento holandês, e do lago adjacente, o Hofvijver.


Foto: wikipedia_demest

Haia oferece uma vasta variedade de atracções, o centro histórico da cidade e todos os tipos de entertenimento incluíndo restaurantes únicos, teatros e museus tais como o Mauritshuis.

PONTOS TURÍSTICOS E CULTURAIS:
O Museu Mesdag é, provavelmente, dos mais famosos, Museu PTT, Brandweermuseum (museu dos bombeiros), Museu Gevangenenpoort, Museu Histórico de Haia, Museu Haags Openbaar Vervoer, Palácio da Paz, a Grote Kerk, igreja do século XIII com uma torre alta de 1425. Uma das maiores atracções turísticas de Haia é o famoso Madurodam, o museu ao ar livre que mostra os edifícios da Holanda em miniatura e simula a vida que ocorre nas cidades, portos e aeroportos.

Roterdão (Rotterdam )
É a segunda maior cidade da Holanda, e o maior porto do mundo através da utilização do estuário do Reno para interface marítimo de transporte entre a Europa e o resto do mundo.

Roterdão é uma cidade predominantemente moderna com arquitectura de vanguarda, o que é facilmente observável na zona de Weena e, por exemplo, nas modernas casa cúbicas Kubuswoningen. Partes do porto e antigos armazéns foram transformados em luxuosos apartamentos. Koopgoot, é a principal rua de comércio, e a subida ao Euromast, uma torre de comunicações de 200 m que permite observar todo a cidade e o porto.

PONTOS TURÍSTICOS E CULTURAIS:
Rotterdam tem muitos museus. Os museus mais conhecidos são: o museu de Beuningen da Boijmans-camionete, o NAi (instituto holandês de arquitetura), o museu Historisch (museu histórico), o museu de Volkenkundig (povos e culturas extrangeiros),


 Foto: wikipedia_Cmglee


Utrecht
É uma das cidades mais antigas da Holanda. A região central é a mais atractiva, com canais que datam do século XIV.

O mais famoso é Oudegracht (antigo canal), que está 5 metros abaixo do nível das ruas, para evitar inundações. Repleta de monumentos históricos e igrejas, Utrecht tem a torre mais alta da Holanda, a Domtoren, com 112 metros. Utrecht é uma cidade encantadora.

Foto: 1zoom.net

PONTOS TURÍSTICOS E CULTURAIS:
Catedral/Igreja/Mosteiro Dom van Utrecht, Museu/Exposição/Galeria de arte Rietveld-Schröder-Huis, o museu ferroviário que funciona na antiga estação de trens de Utrecht, construída no século XIX, ou o Museu/Exposição/Galeria de arte Centraal Museum, entre outros.

A Holanda Um País conhecido por suas tulipas, moinhos de vento, cultura, artes e arquitetura. Pode ser um país pequeno, mas está sempre na vanguarda social, cultural e económica, criando leis liberais. A modernidade e ousadia das cidades maiores contrastam com o interior da Holanda, onde se pinta um quadro bem diverso.

Poderá ver este post completo no meu blogue "Viajar é Alargar os nossos Horizontes" em: Países Baixos (Holanda)  - Netherlands

Holanda é um lugar esplêndido de se conhecer.


Fontes: “Wikipédia”, "Europa em Viagem”, “Amsterdam tourism”, , “Discovery Holanda”, Enciclopédia Larousse, http://1ms.net; http://hdw.eweb4.com; Foto: 1zoom.net; outros net.

* Fotos: Net
As fotografias sem indicação dos autores é porque não os consegui identificar. Se forem suas, por favor queiram contactar-me que colocarei imediatamente o seu nome, ou retiro-as se for esse o seu desejo. Não é de maneira nenhuma minha intenção quebrar direitos de autor.

Photographs without the authors’ names are because I could not identify them. If they are yours, please contact me and I will put immediately your name, or remove them, if that is your wish. It is not my intention to break authors rights.

Foto: 1ms.net

"Conhecimento real é saber a extensão da própria ignorância."( Confúcio )

domingo, 22 de novembro de 2009

0 Outunal - Poema de Florbela Espanca




Outunal

Caem as folhas mortas sobre o lago;
Na penumbra outonal, não sei quem tece
As rendas do silêncio... Olha, anoitece!
- Brumas longínquas do País do Vago...

Veludos a ondear... Mistério mago...
Encantamento... A hora que não esquece,
A luz que a pouco e pouco desfalece,
Que lança em mim a bênção dum afago...

Outono dos crepúsculos doirados,
De púrpuras, damascos e brocados!
- Vestes a terra inteira de esplendor!

Outono das tardinhas silenciosas,
Das magníficas noites voluptuosas
Em que eu soluço a delirar de amor...

Florbela Espanca




“Outono é outra primavera, cada folha uma flor.” Albert Camus

sábado, 21 de novembro de 2009

2 Memórias de Cogumelos e Histórias mágicas do passado


Cogumelos

Hoje reparei que no jardim da empresa onde trabalho, haviam nascido imensos cogumelos brancos.



Adoro ver cogumelos, faz-me sempre levar o pensamento para os meus tempos de criança, onde nas minhas histórias favoritas, as fadas e duendes se abrigavam debaixo de cogumelos.




Eram outros tempos, tempos difíceis em que os meus pais não tinham grandes rendimentos e só havia dinheiro para o essencial. Comprar livros que não fossem para a escola, ou outro tipo de artigos ou objectos (como brinquedos) estava fora de questão.




Eu e as minhas amigas (todas com o mesmo tipo de problema – falta de dinheiro) arranjamos então uma solução, para conseguir o dinheiro que necessitávamos afim de comprar o que pretendíamos.



A nossa escola era longe de casa, por isso tínhamos que apanhar uma camioneta e as mães davam o dinheiro certinho para o bilhete (ida e volta). Então surgiu a ideia de regressarmos a casa a pé poupávamos assim o dinheiro de uma viagem, tínhamos era que andar cerca de mais ou menos 45 minutos, mas não fazia mal. Quando chegávamos à papelaria do Sr. António, o dinheiro do bilhete era utilizado para comprar o que mais gostávamos.




Talvez pelo facto dos “livrinhos” serem comprados com tanto gosto, para mim aquelas histórias eram mágicas e não me cansava de ler e reler o mesmo conto.




Não havia dinheiro, mas posso dizer com todo o coração que tive uma infância muito feliz, deve ser certamente por isso que quando vejo cogumelos no campo, lembro-me das histórias do passado, é como voltar a ser novamente a menina doutras épocas e o meu espírito volta a ter a Paz, imaginação e serenidade, que só em criança se consegue alcançar.




"A felicidade não está no fim da jornada, e sim em cada curva do caminho que percorremos para encontrá-la." (Autor desconhecido)

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

5 Doenças Cardiovasculares – Ataque Cardíaco


Há uns dias atrás um familiar de uma pessoa minha amiga, faleceu de repente de Enfarte do Miocárdio. Tinha apenas 52 anos e isso levou-me a pensar sobre a doença e a pesquisar um pouco sobre o assunto. Fiz uma síntese do que me pareceu mais relevante.

As doenças cardiovasculares afectam o coração e os vasos sanguíneos circundantes e podem assumir muitas formas, tais como hipertensão arterial, doenças coronárias, doenças cardíacas e acidentes vasculares. São uma das principais causas de morte no mundo. Elas ocorrem repentinamente e necessitam de decisões rápidas, por isso nunca é demais falar sobre este tema.

O que é um ataque cardíaco?

Um enfarte do miocárdio (ou ataque cardíaco) ocorre quando a corrente sanguínea das artérias coronárias que irrigam o coração fica bloqueada e parte do coração não recebe oxigénio em quantidade suficiente.

O coração é um músculo e como os outros do corpo, precisa de oxigénio, que é fornecido pelo sangue dos vasos sanguíneos, conhecidos como artérias coronárias. Um coágulo sanguíneo em uma dessas artérias pode bloquear o fluxo de sangue para o músculo cardíaco fazendo com que o coração deixe de funcionar correctamente.

Quais são os sintomas?

- Dor no meio do peito.
- Dor no braço esquerdo ou dor no queixo.
- Falta de ar.
- Suor intenso.
- Náuseas.
- Desfalecimento.


Pode não se sentir nunca uma primeira dor no peito, durante um ataque cardíaco. 60% das pessoas que tiveram um ataque cardíaco enquanto dormiam, já não se levantaram.



Em caso de suspeita de ataque cardíaco, deve:


1. Chamar o 112 ou dirigir-se de imediato a uma urgência hospitalar, porque é nas primeiras horas que ocorrem mais arritmias mortais. A assistência médica atempada é fundamental para, através da administração de anticoagulante, dissolver o trombo (coágulo) que está a entupir a artéria coronária.

2. Tomar uma ou meia aspirina. O ácido acetilsalicílico presente na aspirina vai diminuir a coagulabilidade do sangue e, por conseguinte, pode atrasar a formação do trombo.

Os Ataques cardíacos são possíveis durante descanso ou exercícios, por isso mais vale uma 'falsa emergência' do que não atrever-se a chamar e perder a vida...

Quais são os factores de risco?


A idade e a história familiar encontram-se entre as condições que aumentam o risco de uma pessoa vir a desenvolver doenças no aparelho cardiovascular. Contudo, existe um outro conjunto de factores de risco individuais sobre os quais podemos influir e modificar e que estão, sobretudo, ligados ao estilo e ao modo de vida actual.

• Tabagismo
• Sedentarismo
• Diabetes e obesidade
• Maus hábitos alimentares
• Hipercolesterolemia (valores altos de colestrol)
• Hipertensão Arterial
• Stress excessivo

Como prevenir um ataque cardíaco?


É possível reduzir o risco de doenças cardiovasculares através da adopção de um estilo de vida mais saudável:

- Não fumar
- Se tem diabetes, tentar mantê-los sob controle.
- Consumir álcool com moderação
- Fazer exercícios regularmente, sob orientação médica.
- Usar o sal com moderação.
- Controlar regularmente a pressão arterial, nível de açúcar e gorduras no sangue.
- Comer alimentos pobres em gordura e colestrol.
- Modificar os hábitos, evitando situações de stress

A prevenção deve começar mais cedo para os indivíduos com história familiar de doença cardiovascular precoce ou morte súbita.

Suas Mensagens


"A maior riqueza é a saúde." Ralph Waldo Emerson

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

1 Os signos do Zodíaco


Na astrologia Ocidental, o Zodíaco é representado como uma circunferência onde estão colocados os planetas da forma como se apresentavam no céu no dia e mês em que nascemos.


Podemos dizer que o horóscopo ocidental é a leitura astrológica do céu. É o estudo do Sol, da Lua e dos planetas e como eles podem influenciar a nossa vida.

Todos os planetas – sendo o mais importante o Sol – estão em constante rotação e no momento do nascimento passam por determinada posição. É esta posição que indica, com exactidão, a que signo pertencemos. Não é apenas o Sol que influencia os signos. Todos os planetas (Sol, Lua, Marte, Vénus, Mercúrio, Júpiter, Saturno, Neptuno, Urano e Plutão) exercem alguma força sobre os signos. Contudo, cada signo tem um planeta regente, ou seja, um planeta que exerce uma força mais significativa do que qualquer outro.

Os doze signos do Zodíaco
Para informações mais detalhadas, carregar na imagem ou no nome do signo.

Aires ou Carneiro (20/3 - 18/4)
O Carneiro é uma pessoa cheia de energia e entusiasmo. Pioneiro e aventureiro, Adora metas, liberdade e ideias novas.
Os arianos gostam de liderar e preferem dar instruções a recebê-las. São independentes e preocupados com sua própria ambição e objectivos. Têm uma energia invejável, que às vezes os pode tornar agressivos, inquietos, argumentativos, teimosos.
É fácil ofender um ariano, e quando se sentem ofendidos é difícil fazer as pazes com eles. Áries é o primeiro signo do zodíaco, e neste sentido o seu papel é começar algo e liderar. Se um ariano acredita em uma boa causa, lutará sem descanso para promovê-la.



Touro (21/04 - 20/05)

Um Touro costuma ser prático, decidido e ter uma grande força de vontade. Os touro são pessoas estáveis e conservadores, e seguirão de forma leal um líder no que têm confiança. Adoram a paz e tranquilidade e são muito respeitosos com as leis e as regras.
São um pouco arredios à mudança. São mais práticos que intelectuais, e como lhes agrada a continuidade e a rotina, costumam ser de ideias fixas. Os Touro são prudentes, estáveis e têm um grande sentido da justiça.
Gostam das coisas belas e costumam ser aficionados à arte e a música. Alguns touros têm uma fé religiosa pouco convencional e muito forte. Encantam-lhes os prazeres da vida, o luxo e a boa comida e bebida. De facto os touro devem esforçar-se para não se deixar levar pela tentação de satisfazer em excesso estes gostos.



Gêmeos (21/05 - 20/06)

Gêmeos é o signo dos irmãos idênticos e, como tal, o seu carácter é duplo, bastante complexo e contraditório. Por um lado é versátil, mas pelo outro pode não ser sincero. Os geminianos começam novas actividades e planos com entusiasmo, mas muitas vezes falta-lhes a constância para realizá-los. Os geminianos costumam ser corteses, carinhosos, amáveis e generosos. Às vezes utilizam seus atributos para conseguir seus próprios objectivos e são capazes de recorrer à mentira - sem perder seu encanto - com a finalidade de obter o que querem. Desanimam-se com facilidade quando não conseguem o que querem, e gostam de receber atenção, presentes e afagos. A inteligência e capacidade mental dos geminianos fazem com que eles gostem de desafios cerebrais e de novos conhecimentos, ainda que o processo de aprendizagem tenda a aborrecer-lhes.



Câncer ou Caranguejo (21/06 - 21/07)


O carácter de um canceriano é o menos claro de todos os signos do zodíaco. Um canceriano pode ser de tímido e aborrecido a brilhante e famoso. São conservadores e adoram a segurança e o calor do lar. Um canceriano entende que há momentos para ser sociável e outros momentos para ser solitário. Isto é uma das contradições em seu carácter. Parecem decididos, resistentes, teimosos, tenazes, energéticos, sábios e intuitivos. Não obstante, os que os conhecem na intimidade podem ver um tipo de pessoa totalmente diferente - alguém sensível, sobretudo com as pessoas de quem gosta. Gostam de arte, música e literatura.
O canceriano tem uma memória excelente, sobretudo para acontecimentos pessoais e recordações da infância, que são capazes de lembrar com o máximo detalhe. Vivem condicionados por recordações do passado e pela sua imaginação sobre o futuro.


Leão (22/07 - 22/08)

Leão é o signo mais dominador do zodíaco. Também é criativo e extrovertido. São os reis entre os humanos, assim como os leões são os reis no reino animal. Têm ambição, força, valentia, independência e total segurança em suas capacidades. Não costumam ter dúvidas sobre o que fazer. São líderes sem complicações sabem onde querem chegar e colocam todo seu empenho, energia e criatividade para conquistar seu objectivo. Não temem os obstáculos - na verdade, crescem ante eles. Em geral são bons, idealistas e inteligentes. Podem chegar a ser teimosos em suas crenças, mas sempre com uma fé e sinceridade absolutas. Os leoninos costumam gostar de luxo e poder.
Os seus defeitos podem ser tão amplos como suas virtudes, e um leonino excessivamente negativo pode ser uma pessoa arrogante, orgulhosa e com muito mau génio. Podem adoptar certo ar de superioridade e prepotência.

Virgem (23/08 - 22/09)


Virgem, o único signo representado por uma mulher, é um signo caracterizado pela sua precisão, convencionalidade, atitude reservada. Os virgens costumam ser observadores, e pacientes. Preferem actuar com reservas e com uma disposição agradável. Costumam ser discretos, amáveis e divertidos com outras pessoas, e podem ajudar a resolver os problemas de terceiros com uma habilidade e sensatez que muitas vezes lhes falta nas suas próprias relações. São metódicos, estudiosos e agrada-lhes a lógica. Também gostam de aprender, e são capazes de analisar as situações mais complicadas. Não obstante, as vezes são tão meticulosos que atrasam a conclusão de projectos complicados. São muito intuitivos e são capazes de ver todos os lados de um argumento, o que por vezes pode dificultar a tomada de uma decisão final.



Libra ou balança (23/09 - 22/10)

Libra está entre os signos mais civilizados do zodíaco. Têm encanto, elegância, bom gosto, são amáveis e pacíficos. Gostam da beleza e da harmonia, e são capazes de serem imparciais ante os conflitos. Não obstante, uma vez que chegam a uma opinião sobre algo, não gostam de serem contrariados.
Gostam de contar com o apoio dos demais. São sensíveis às necessidades dos outros e costumam ser muito sociáveis.
Não suportam as brigas e a crueldade e são muito diplomáticos ante os conflitos. Costumam procurar o consenso ante uma situação problemática. Sabem valorizar o esforço dos demais e gostam de viver e trabalhar em equipa. Não gostam da rotina e muitas vezes falta-lhes capacidade para enfrentar os outros. São muito curiosos, o que pode ser um virtude, se o investem em descobrir novas coisas.


Escorpião (23/10 - 21/11)

Escorpião é um signo intenso, com uma energia emocional única em todo o zodíaco. Ainda que possam parecer calmos, têm uma agressividade e magnetismo escondidos internamente. São afáveis, sociáveis, reservados, corteses e, ainda que pareçam estar um pouco afastados da acção, em realidade estão observando tudo com seu olhar crítico. O escorpiano é tremendamente poderoso e seu carácter pode causar enormes benefícios ou grandes riscos para os demais. A sua tenacidade e força de vontade são únicas. São emotivos e facilmente feridos ou aludidos.
Os escorpianos são muito imaginativos, intuitivos e têm uma grande capacidade para analisar situações e pessoas. De todos os signos do zodíaco, são os que mais probabilidades têm para converter-se em génios - desde que controlem seu lado negativo. Devem tentar evitar sensações como a arrogância, a agressividade e o ciúme.

Sagitário (22/11 - 21/12)


Sagitário é um dos signos mais positivos do zodíaco. São versáteis e adoram a aventura e o desconhecido. Têm a mente aberta para novas ideias e experiências e mantêm uma atitude optimista inclusive quando as coisas parecem difíceis. São fiáveis, honestos, bons, sinceros e dispostos a lutar pelas boas causas custe o que custar. Gostam de abarcar novos projectos e aprender sobre coisas novas. São intuitivos, bons organizadores, generosos e muito cuidadosos, o que os torna bons gestores de projectos.
Or vezes são muito impacientes quando os outros não seguem o mesmo ritmo que eles. São capazes de sacrificar-se para realizar um objectivo. Isto faz com que algumas vezes eles sejam exigentes demais.




Capricórnio (22/12 - 20/01)


Capricórnio é um dos signos do zodíaco mais estáveis, seguros e calmos. São trabalhadores, responsáveis, práticos e dispostos a persistir o quanto for necessário para conquistar seu objectivo. São fiáveis e muitas vezes têm o papel de terminar um projecto iniciado por outro signo mais pioneiro. Adoram a música.
Um capricorniano exige muito de seus empregados, familiares e amigos, mas só porque também é exigente consigo mesmo. Costumam ser pessoas justas. Não estão entre os mais felizes do zodíaco, tendem mais à melancolia e ao pessimismo. De facto, um capricorniano deve sempre tentar manter uma estabilidade emocional através da meditação, respiração ou actividades que lhe ajudem a relaxar e a não perder o controle de suas emoções.



Aquário (22/01 - 19/02)

Os aquarianos têm uma personalidade forte e atraente. Há dois tipos de aquarianos: um é tímido, sensível, e paciente. O outro é exuberante, vivo, e pode chegar a esconder as profundezas de sua personalidade debaixo de um ar frívolo. Ambos os tipos de Aquário têm uma força de convicção e da verdade muito forte e são tão honestos que sabem mudar de opinião se aparecem provas que mostram o contrário do que pensavam antes. Estão abertos à verdade e dispostos a aprender de todos.
O aquariano é humano, sincero, refinado e idealista. Sabe ser perseverante e expressar-se com razão, moderação e, às vezes, com humor. Apesar da personalidade aberta dos aquarianos e de seu desejo de ajudar a humanidade, eles não costumam fazer amigos com facilidade. Porém, uma vez que decidem que vale a pena amar alguém, estão dispostos a sacrificar tudo pelo seu companheiro e ser fiel durante toda a vida. Quando um aquariano se sente enganado, sua fúria é terrível.

Peixes (20/02 - 20/03)

Os piscianos têm uma personalidade calma, paciente e amável. São sensíveis aos sentimentos dos outros e respondem com simpatia e tacto ao sofrimento dos demais. São muito queridos por todos porque têm um carácter afável, carinhoso e amável. Preocupam-lhes mais os problemas dos outros que seus próprios problemas.
Os piscianos tendem a pensar de forma emocional mais do que de forma racional, de forma instintiva mais do que de forma intelectual. Não gostam de sentir-se confinados e não respeitam as convenções só porque elas existem. Porém, não têm a energia ou a motivação para lutar contra o poder estabelecido. Têm uma grande capacidade criativa e artística.


segunda-feira, 16 de novembro de 2009

0 Dicas para Aprender a Bem Viver



A importância de se saber viver!

A vida é um Dom que nos foi dado e que deve ser apreciada ao máximo, o problema é deixarmos passar o “Momento Presente”, seguindo a nossa VIDA numa corrida diária e pensando que o dia de “Amanhã” será o dia certo.
Mas se não soubermos viver bem o dia Hoje, o próximo dia será com certeza, igual ou pior que o dia de Ontem.

"Uma boa vida tem como base o sentido do que queremos para nós em cada momento e daquilo que, realmente, vale como principal" Guerdjef.



Guerdjef, Pensador Russso,
traçou 20 regras de vida que foram colocadas em destaque no Instituto Francês de Ansiedade e Stress, em Paris e que eu apenas á poucos dias tive o prazer de conhecer. Como considero que são importantes para termos uma vida com mais Qualidade, aqui vão elas:

1) Faça pausas de dez minutos a cada duas horas de trabalho, no máximo. Repita essas pausas na vida diária e pense em si, analisando suas atitudes.

2) Aprenda a dizer não sem se sentir culpado(a) ou achar que magoou alguém. Querer agradar a todos é um desgaste enorme.

3) Planeie o seu dia, sim, mas deixe sempre um bom espaço para o improviso, consciente de que nem tudo depende de si.

4) Concentre-se em apenas uma tarefa de cada vez. Por mais ágeis que sejam os seus quadros mentais, cansa-se, sem necessidade.

5) Esqueça, de uma vez por todas, que é imprescindível. No trabalho, na casa, no grupo habitual.Por mais que isso lhe desagrade, tudo anda sem a sua actuação, não ser você mesmo.

6) Abra mão de ser o responsável pelo prazer de todos. Não é você a fonte dos desejos, o eterno mestre de cerimónias.

7) Peça ajuda sempre que necessário, tendo o bom senso de pedir às pessoas certas..

8) Diferencie problemas reais de problemas imaginários e elimine-os porque são pura perda de tempo e ocupam um espaço mental precioso para coisas mais Importantes.

9) Tente descobrir o prazer de factos quotidianos como dormir, comer e tomar banho, sem também achar que isso é o máximo a desejar-se na vida.

10) Evite se envolver na ansiedade e tensão alheias, de forma compulsiva. Espere um pouco e depois retome o diálogo, a acção.

11) Família não é você. Está junto de si. Compõe o seu mundo, mas não é a sua própria identidade.

12) Entenda que princípios e convicções fechadas podem ser um grande peso, a trave do movimento e da busca.

13) É preciso ter sempre alguém em que se possa confiar e falar abertamente ao menos num raio de cem quilómetros. Não adianta estar mais longe.

14) Saiba a hora certa de sair de cena, de retirar-se do palco, de deixar de ser o centro de todas as atenções. Nunca perca o sentido da importância subtil de uma saída discreta.

15) Não queira saber se falaram mal de si e nem se atormente com esse lixo mental; escute o que falaram bem, com reserva analítica, sem qualquer convencimento e vaidade vã.

16) Competir no lazer, no trabalho, na vida a dois, é óptimo ...
… para quem quer ficar esgotado e perder o melhor.

17) A rigidez é boa na pedra, não no homem. A ele cabe firmeza, o que é muito diferente.

18) Uma hora de intenso prazer substitui com folga 3 horas de sono perdido. O prazer recompõe mais que o sono. Logo, não perca uma oportunidade de se divertir.

19) Não abandone suas 3 grandes e inabaláveis amigas:
a intuição,
a inocência
a fé!

20) E entenda de uma vez por todas, definitiva e conclusivamente:
“Você é o que se fizer ser!”

Vou tentar seguir pelo menos algumas destas regras, não custa nada e se no Futuro ao olhar para trás ficar satisfeita com o meu passado e com o que tenho, então é porque soube aproveitar bem a Vida e segui o caminho certo encontrando a Filosofia de Vida correcta para mim. Pelo menos vou tentar.
“De vez em quando tem que fazer uma pausa e visitar-se a si mesmo.” Audrey Giorgi

sábado, 14 de novembro de 2009

2 Combater a Poluição da ÁGUAS



A Natureza está em perigo, devido à falta de sensibilidade do homem. Se queremos preservar o nosso planeta, cabe a cada um de nós, fazer a sua parte no dia-a-dia, agindo e informando sobre a importância de evitar o desperdício de água, energia, combustível, papel, alimentos e outros recursos, além de incentivar a redução do lixo, o reaproveitamento e fazendo uma escolha selectiva e um consumo responsável.
 

Foto: Net

Falei anteriormente sobre como cada um de nós pode contribuir, para um Planeta mais saudável e ao mesmo tempo poupar dinheiro, apenas sendo necessário uma mudança de comportamentos, que se traduzem em pequenos gestos no dia-a-dia, evitando o desperdício de Água, Energia e Reciclagem. Hoje vou falar sobre a importância de Combater a poluição das Águas.


Foto: Net

A água é um dos mais essenciais recursos naturais para todos os seres vivos, ela é vital á vida do planeta.

Vista do espaço, a Terra parece o Planeta Água, pois esta cobre 75% da superfície terrestre, formando os oceanos, rios, lagos etc. No entanto, somente uma pequenina parte dessa água está à disposição da vida na Terra. Apesar de parecer um número muito grande, a Terra corre o risco de não mais dispor de água limpa, o que em última análise significa que a grande máquina viva pode parar.
A poluição da água é a introdução de materiais químicos, físicos e biológicos que estragam a qualidade da água e afecta o organismo dos seres vivos.
As principais causas de deteriorização dos rios, lagos e dos oceanos são a poluição e contaminação da água provocada por vários agentes que a ela vão parar, como : esgotos domésticos não tratados, despejos industriais, derrame de petróleo, plásticos entre outros.


ESGOTOS
O desenvolvimento acelerado das actividades económicas e do crescimento demográfico, não acompanhado pela construção equilibrada de infraestruturas e de saneamento básico, aumentaram os problemas de poluição.
Ainda grande quantidade de esgoto doméstico é despejada no mar, mas somente uma parte é previamente tratada. Tecnicamente, tratar os esgotos antes de lançá-los no mar não é um problema, mas custa caro e por vezes até os países mais ricos, têm alguma relutância em gastar dinheiro com estações de tratamento.
A indústria é também uma grande consumidora de água e é responsável pela sua mais grave forma de poluição. Isso é devido não só às elevadas cargas poluentes descarregadas mas também à sua perigosidade. As águas de processo, contaminadas com os mais diversos produtos químicos perigosos, integram cargas poluentes elevadas que o meio receptor dificilmente é capaz de depurar.
Nos efluentes industriais as fossas de baixa qualidade constituem o meio mais importante de poluição das águas subterrâneas.
Para além dos esgotos, todos os tipos de lixo jogados na rua, podem por sua vez ser carregados pela água das chuvas para os rios e destes para o mar.

LIXOS INDUSTRIAIS
Mais perigosa do que o lixo dos esgotos é a poluição química das indústrias. Uma grande quantidade de despejos industriais é lançada directamente no mar ou chega até ele através dos rios nos quais é despejada, sem qualquer processo de filtragem.
Enquanto o esgoto doméstico é orgânico e pode ser reciclado pelo mar, grande parte do esgoto industrial é inorgânica, não se decompondo facilmente e permanecendo inalterada. Gradualmente, esses dois tipos de esgotos se somam, causando cada vez mais poluição. Mais de 100 mil produtos químicos diferentes têm como destino final o mar e, com frequência, ninguém sabe quais serão as consequências. A maior parte permanece nas águas costeiras, porém, como o oceano é um vasto sistema móvel, os compostos químicos vão lentamente espalhando-se por ele.
Só recentemente foram criadas leis para que sejam tratados os esgotos industriais, tentando diminuir a quantidade de rios e lagos poluídos em todo o mundo.
A chuva que cai no mar também por vezes está contaminada com poluentes atmosféricos oriundos das chaminés das fábricas, das unidades de aquecimento central e dos escapes dos veículos.

DERRAME DE PETRÓLEO

Os derrames de petróleo quer por acidente com petroleiros quer por limpeza dos tanques no mar, são uma das piores causas de poluição do mar. O petróleo flutuando espalha-se pela superfície das águas não permitindo que a luz do Sol penetre na água, inviabilizando o processo de fotossíntese da vegetação aquática. Sem oxigénio e alimento, a morte dos peixes, em grande escala, é inevitável. Aqueles que chegam à superfície ficam impregnados de óleo e morrem por asfixia.



As aves, focas e baleias que se alimentam de peixe também acabam morrendo ou acabam contaminando os demais animais da sua cadeia alimentar.

Quando as marés negras atingem as zonas costeiras, os seus efeitos tornam-se ainda mais catastróficos. Todo o ecossistema aquático da região e de grande extensão dos arredores fica comprometido. Além dos prejuízos ambientais (destruição da fauna e da flora com elas entram em contacto), provocam enormes prejuízos à actividade pesqueira e tem um forte impacto negativo na actividade turística, já que os resíduos petrolíferos, de remoção difícil, impedem durante muito tempo a utilização das praias.

O derrame de petróleo é considerado um dos maiores e mais graves desastres ecológicos.

PLÁSTICOS

O plástico é uma das grandes pragas dos mares. Actualmente, milhares de toneladas de plásticos são lançados no mar todos os anos. Sabe-se que existem grandes massas de plásticos flutuando nos oceanos, sendo a mais conhecida a Grande Mancha de Lixo do Pacífico, também apelidada de "sopa de plástico". Os detritos estão agrupados numa espécie de redemoinho que começa a cerca de 1000 quilômetros da costa da Califórnia (EUA), passa pelo Havaí, e estende-se até quase ao Japão. O lixo é mantido no local pelas correntes oceânicas. No Pacífico Norte, com ventos fracos, as correntes tendem a empurrar qualquer material que flutue para o centro, uma área com pouca energia. Estes resíduos são problemáticos criando riscos para aves marinhas e outra fauna que os podem ingerir por engano.
De acordo com o Programa Ambiental das Nações Unidas, detritos de plástico constituem 90% de todo o lixo flutuante nos oceanos e é a causa da morte de mais de um milhão de aves marinhas todos os anos, bem como de mais de cem mil mamíferos marinhos.
Os mares, rios e lagos têm vindo a ser utilizados como um gigantesco caixote do lixo.


Como Contribuir Para Evitar A Poluição da Água
1. Não deitar lixo nas ruas, praias, rios ou no mar.
2. Tratar os esgotos e efluentes industriais antes de serem lançados ao mar.
3. Acondicionar o lixo doméstico em local adequado e seguro para que não se transforme lixo marinho.
4. Não desperdiçar água, em casa ou em qualquer outro lugar.
5. Colocar filtros nas fábricas e indústrias.
6. Canalizar toda a água utilizada pela população para uma estação de tratamento.
O controle da poluição passa por uma grande diversidade de medidas, da imposição de regras à actividade industrial e do investimento em equipamentos de reciclagem e também de pequenos gestos nossos no quotidiano.

A água é um bem precioso e indispensável e não é inesgotável!!!
Por isso, é fácil compreender que é necessário conservar e preservar a água e aproveitar os seus imensos recursos de uma forma inteligente e racional para não colocar em risco toda a vida na Terra.

Fontes e Fotos: The Independent, Greenpeace, Naturlink, PreservarAmbiente, artigos do Jornal de Notícias, outros Internet

Foto: Net

“É triste pensar que a natureza fala e que o género humano não a ouve.” Víctor Hugo