domingo, 18 de novembro de 2018

Macaco-aranha-da-colômbia




 Hoje vamos conhecer um pouco mais  sobre o:

Macaco-aranha-da-colômbia




Nome Trinomial: Ateles fusciceps rufiventris
Ordem: Primates
Família: Atelidae




Macaco-aranha ou coatá é uma denominação comum a várias espécies de primatas do gênero Ateles e família Atelidae. A designação "Cuatá" é oriunda do tupi kua'tá. "Macaco-aranha" é uma referência aos seus membros e à sua cauda preensil, que são muito longos e finos, semelhantes às patas das aranhas. O macaco-aranha-da-colômbia é uma subespécie de Ateles fusciceps e é encontrado na Colômbia e no Panamá.




São os maiores primatas da America, o adulto tem entre 42 cm e 66 cm de comprimento, com uma cauda de até 88 cm e pesando até 11 kg. Os membros são longos e esguios, assim como a cauda, que é preênsil, o que é característico do género e que lhe conferiu o nome popular de macaco-aranha.
A sua vocalização varia em 12 sons emitidos de forma e frequências diferentes para passar informações diferenciadas ao grupo.





São primatas predominantemente frugívoros com cerca de 90% da dieta constituindo de frutos, sementes e folhas. A composição da dieta é diretamente proporcional à quantidade de frutos que ocorrem no ambiente, sendo que ao haver uma escassez desse item alimentar, os macacos passam a comer brotos de folhas jovens.




Formam grandes grupos, com até 30 indivíduos, mas com uma dinâmica de fusão-fissão, com a formação de subgrupos de forrageamento. Os grupos caracterizam-se por uma alta dispersão das fêmeas, que acaba culminando na formação de coalizões entre os machos, que se reflete num baixo índice de competição entre eles e por consequência, um baixo dimorfismo sexual. Não existe uma hierarquia linear muito clara entre os machos, que se evidencia pela ausência de um macho alfa.




As fêmeas parem um filhote de cada vez, raramente gémeos, depois de uma gestação de 226 a 232 dias e o intervalo entre uma gestação e outra é de até 50 meses em animais no estado selvagem. A unidade social mais coesa no macaco-aranha é a que se mantém entre mãe e filhote até o momento em que atinge a maturidade que pode demorar até 14 meses para ser atingida.




Devido à desflorestação, à fragmentação do seu habitat, à baixa taxa de reprodução e à caça, está considerado pela IUCN (União Internacional para Conservação da Natureza) como "criticamente em perigo".




Texto explicativo: Wikipedia, www.zoo.pt
Fotos: Pessoais - Visita ao Jardim Zoológico de Lisboa

25 comentários:

  1. Querida Maria, eu adoro macacos! Minha tia teve por 25 anos um macaquinho, criava no Rio de janeiro, no apartamento em que eles moravam. Tinha uma jaulinha pequena no terraço do apartamento, e dentro do apartamento andava solto. E eu ficava olhando os "modos" do macaco... E dizem que são nossos primos! Nada mal, mas se parecem conosco, não fisicamente (kkk), mas nos modos - nada tão parecido.
    Beijinho, um bom domingo.

    ResponderEliminar
  2. I do like monkeys. Thanks for informative writing on the Spider Monkey.

    ResponderEliminar
  3. I find your first photo stunning! Interesting reading.

    ResponderEliminar
  4. Muito interessante. Gosto muito de macacos, mas desconhecia a existência deste macaco aranha.
    Abraço e bom domingo

    ResponderEliminar
  5. Que amor que são eles Maria. Quando eu era criança,lembro que minha avó criava um mico. É uma espécie de macaco bem pequeno. Vivia acrochada no pescoço dela e nós adoramos ele. Bom Domingo por ai amiga,beijinhos!

    ResponderEliminar
  6. Sehr schöne Bilder von den Affen erstaunlich ihre Kletterkünste.

    Noke

    ResponderEliminar
  7. Bom dia. Esta publicação é fantástica. Adorei. :))

    Bjos
    Votos de um óptimo Domingo.

    ResponderEliminar
  8. Para verlos tenemos que recurrir a los zoológicos. Impresionan verlos en ellos y los ejercicios que hacen en ese espacio tan limitado.

    Besos

    ResponderEliminar
  9. Boa tarde Maria Rodrigues!
    Eu não conhecia essa espécie de macacos e achei bem interessante.
    Bjs e obrigada pela visita.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  10. Boa tarde Maria,
    Magníficas fotos desses primatas, de respeito!
    Confesso que me assustam um pouco.
    Um beijinho e ótimo domingo.
    Ailime

    ResponderEliminar
  11. Maria que interessante saber mais sobre o macaco aranha da Colômbia, maravilhoso o post Maria bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  12. Que belas fotos e tão triste isso, os animais e a natureza
    tão destruída pelos homens e cada gesto de preservar tão
    precioso, grata pela partilha e tua gentileza comigo
    no meu blog, querida Maria!

    Meus votos de um domingo feliz e na paz para você e os seus!
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  13. Забавные же они, эти обезьянки:)

    ResponderEliminar
  14. These photos got me on a good mood.
    I got new information about my "Columbian cousins".
    Nice new week to you!

    ResponderEliminar
  15. Olá Maria
    Gostei de saber sobre esse macaco da Colombia. Ele parecia ser pequeno, mas vejo que é um macaco de certo porte . Gosto de ver os macacos no zoo . Nos entretém por bastante tempo por suas graciosidades !
    BJS

    ResponderEliminar
  16. São tão bonitos. Desconhecia, o aranha!! :)

    Beijos- Boa noite!

    ResponderEliminar
  17. Giro e muito curioso. Adorei conhecer e adorei as fotos. Tão lindas! :)

    ResponderEliminar
  18. No reino da bicharada,
    cada macaco no seu galho
    quem é alérgico ao trabalho
    são como quem não faz nada?

    Tenha um boa noite amiga Maria.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  19. Amazing photographs and great information.

    All the best Jan

    ResponderEliminar
  20. Hello Maria,
    I had never heard of a spider monkey.
    Very interesting that you show them and also with nice information. They have become very nice pictures :-)
    Warm hugs.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.

Topo