sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Palavras






Se soubéssemos quantas e quantas vezes as nossas palavras são mal interpretadas, haveria muito mais silêncio neste mundo.

Oscar Wilde


12 comentários:

  1. Oscar Wilde, nas suas próprias palavras, só declarava uma coisa nas alfândegas - a sua genialidade.
    Convencido mas muito real.
    Bfds

    ResponderEliminar
  2. Sem dúvida, devíamos ter mais momentos de silêncio e observação exterior e interior. Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  3. Bom dia Maria!
    Olavo Bilac disse tudo...
    Lhe desejo uma semana de muita luz....
    Bjks Loiva

    ResponderEliminar
  4. Tão profundo! Tão verdade! AMEI!!

    Beijo, bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  5. Oscar Wilde escritor ingles talentoso e o meu primeiro livro que tenho comprado em português foi "O Retrato de Dorian Gray".
    Abraço

    ResponderEliminar
  6. Saber dialogar dentro dos silêncios, é ciência que o Amor dá e é bem entendida pelos surdos, mas não é "escutada" pelos que podem "ouvir" a voz do silêncio.



    Beijo
    SOL

    ResponderEliminar
  7. Concordo... mas ainda não percebi porque é que se diz que a falar é que a gente se entende...

    ResponderEliminar
  8. Verdade. Cuidado com as palavras. Elas podem ferir, destruir. Bjs!

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.

Topo