sábado, 5 de março de 2016

Horizonte





Ó mar anterior a nós, teus medos
Tinham coral e praias e arvoredos.
Desvendadas a noite e a cerração,
As tormentas passadas e o mistério,
Abria em flor o Longe, e o Sul sidério
'Splendia sobre as naus da iniciação.

Linha severa da longínqua costa -
Quando a nau se aproxima ergue-se a encosta
Em árvores onde o Longe nada tinha;
Mais perto, abre-se a terra em sons e cores:
E, no desembarcar, há aves, flores,
Onde era só, de longe a abstracta linha.

O sonho é ver as formas invisíveis
Da distância imprecisa, e, com sensíveis
Movimentos da esp´rança e da vontade,
Buscar na linha fria do horizonte
A árvore, a praia, a flor, a ave, a fonte -
Os beijos merecidos da Verdade.


Fernando Pessoa

 

( Poema que tive o prazer de ler no Promontório da Fortaleza de Sagres )

19 comentários:

  1. Oi Maria,
    Seu blog está uma lindeza.
    Lindo poema
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  2. Poemas do Pessoa são tão lindos
    abraços

    ResponderEliminar
  3. Que lindo poema e que honra lê-lo por lá! bjs, ótimo fds! chica

    ResponderEliminar
  4. Querida Maria

    Muito obrigada por este poema de Fernando Pessoa.
    Um poeta que prestigia a literatura portuguesa.
    Vou enviar-lhe e-mail.
    Beijinhos

    Olinda

    ResponderEliminar
  5. Gosto muito de Fernando Pessoa que considero o maior poeta português de todos os tempos.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  6. Que lindo, adoro Fernando Pessoa, bela escolha!
    A imagem é linda e o blogue, está muito bonito!
    Abraços amiga Maria!

    ResponderEliminar
  7. Olá, Bom dia,Maria...bela escolha, F.Pessoa... Horizonte, o desconhecido a alcançar, mesmo Longe, que já se consegue ver ... é mais fácil crer no que vemos, do que o que não vemos e a Verdade como recompensa ao invés do conhecimento oculto...
    Obrigado pelo carinho, feliz f.d.s, belos dias, beijos!

    ResponderEliminar
  8. Tão sideral! Tão profundo!
    Uma viagem plena, sorvida a cada palavra lida!

    ResponderEliminar
  9. Hello Maria,
    A beautiful poem with a dazzling image.

    Greetings and I wish you a nice weekend,
    Marco

    ResponderEliminar
  10. Um poema simplesmente arrasador. Lindo demais. Que enorme poeta foi Fernando Pessoa
    .
    Feliz fim de semana
    Deixo cumprimentos

    ResponderEliminar
  11. Óh que maravilha de poema!

    Beijos, bom fim de semana.

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Maria uma linda poesia do Fernando Pessoa, a imagem é linda, Maria bom final de semana beijos.

    ResponderEliminar
  13. Olá Maria
    Uma sublime expressão poética do excepcional Fernando Pessoa
    Versos belíssimos e envolventes
    Um maravilhoso final de semana
    Um super beijo

    ResponderEliminar
  14. Que lindo Maria.Não conhecia este poema de Fernando Pessoa. Um feliz final de semana, beijinhos

    ResponderEliminar
  15. Parabéns pela escolha desse belo poema, Maria!
    Beijos!

    ResponderEliminar
  16. Maria
    Seja qual for o poema de Fernando Pessoa, é sempre uma lição de poesia.
    beijinhos

    ResponderEliminar
  17. Um promontório que conquistou a poesia...através da escolha de tal beleza!
    Bj e obrigada pela visita

    ResponderEliminar
  18. Oi maria!
    Esse poema é lindo. Parabéns!
    Bjssss amiga

    ResponderEliminar
  19. Poema lindíssimo!...
    Sempre uma boa surpresa, ler Pessoa, por aqui, que adoro!!!!
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.

Topo