terça-feira, 9 de outubro de 2012

Os Jardins de Villandry


Villandry é um palácio renascentista, localizado na comuna de Villandry, departamento de Indre-et-Loire, na França.




Foi o último castelo da Renascença a ser construído nas margens do Loire. A sua arquitetura combina na perfeição com os jardins dispostos em três níveis, numa união feliz de beleza, harmonia, diversidade.


Foto: wikipedia_Jean-Christophe BENOIST


Foi construído por Jean le Breton, Ministro das Finanças de François I em 1536 sobre uma antiga fortaleza do século XII, da qual só restava apenas as suas fundações e a torre.

O palácio permaneceu na família Le Breton por mais de dois séculos até que foi adquirida pelo Marquês de Castellane. Durante a Revolução Francesa, a propriedade foi confiscada e no início do século 19, o imperador Napoleão adquiriu para o seu irmão José Bonaparte.

Foto: www.visit-au-chateau.com

Foto: panoramio_Photos by marco .gi 46


Em 1906 Villandry, em ruinas, foi comprado pelo Dr. Joachim Carvalho um espanhol, e pela sua esposa americana, Ann Coleman que o restaura e criando os seus maravilhosos jardins por volta de 1910.

O grande charme do castelo são os seus belíssimos jardins.

Foto: www.visit-au-chateau.com

Foto: Panoramio_Photos by Ladush


No jardim ornamental, os arbustos formam símbolos musicais, corações, pergaminhos, borboletas, alegorias de amor apaixonado, inconstante e trágico. É formado de três partes, o Jardim do Amor, o Jardim da Música e o Jardim des Simples (plantas aromáticas e medicinais).


Foto: Panoramio_Photos by marco .gi 46


O jardim da água é o mais tranquilo e relaxante do castelo, o centro das atenções é o seu lindo lago, que associado ao som das fontes e aos grandes espaços relvado dão uma sensação de calma e tranquilidade.


Foto: Panoramio_Photos by jerome.b


Fotos e Fontes: Wikipedia; http://www.castles.francethisway.com/chateau-villandry.php http://www.visite-au-chateau.com/villandry.htm; http://www.chateauvillandry.fr/; Panoramio; outros net.

* Fotos: Net
As fotografias sem indicação dos autores é porque não os consegui identificar. Se forem suas, por favor queiram contactar-me que colocarei imediatamente o seu nome, ou retiro-as se for esse o seu desejo. Não é de maneira nenhuma minha intenção quebrar direitos de autor.

Photographs without the authors’ names are because I could not identify them. If they are yours, please contact me and I will put immediately your name, or remove them, if that is your wish. It is not my intention to break authors rights.





Poderá ver este post completo no meu blogue de viagens “Viajar é alargar os nossos Horizontes” em: Os Jardins de Villandry

10 comentários:

  1. Lindos Jardins, um dia quero conhecê-los!
    Tudo muito bem cuidado, colorido e artístico...
    Beijos para você, Maria...

    ResponderEliminar
  2. Muito bonitos, com desenhos tão nítidos...mas eu gosto mais de jardins com um aspecto mais próximo da Natureza.

    Bons sonhos, amiga

    ResponderEliminar
  3. Boa noite minha linda !!!!!
    Só vc pra me encantar...lindas paisagenssssssssssssss
    bjssssssssssssss

    ResponderEliminar
  4. Maria, minha querida! como é bom passar por aqui e ter uma bela aula de história e deliciar nossos olhos. adoro este lugar.bjs

    ResponderEliminar
  5. Uma viagem deslumbrante, linda por demais.Parabéns.

    ResponderEliminar
  6. Que imagens divinas!! Que viagem maravilhosa fiz aqui hoje através do seu blog!! Parabéns!!

    Beijinhos!!♥

    ResponderEliminar
  7. Amiga, ameiiii estes jardins! Que capricho!
    Boa semana querida, beijinhos,
    Valéria

    ResponderEliminar
  8. Minha querida, um deslumbrante lugar, digno dos melhores contos de fadas.
    Amei passear por esta exuberância e arquitetura.
    Um abraço.
    Beijos.

    ResponderEliminar

  9. Querida Maria

    Estes jardins são maravilhosos, feitos com arte e amor.

    Muito obrigada por mais esta viagem.

    Bjs

    Olinda

    ResponderEliminar
  10. Olá Maria!

    Linda postagem,com fotos deslumbrantes deste magnifico lugar...Gostei!!!

    Beijinhos de carinho e amizade,
    Lourenço

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.

Topo