segunda-feira, 7 de outubro de 2013

SONHOS - Poema de Florbela Espanca




SONHOS

Ter um sonho, um sonho lindo,
Noite branda de luar,
Que se sonhasse a sorrir...
Que se sonhasse a chorar...

Ter um sonho, que nos fosse
A vida, a luz, o alento,
Que a sonhar beijasse doce
A nossa boca... um lamento...

Ser pra nós o guia, o norte,
Na vida o único trilho;
E depois ver vir a morte

Despedaçar esses laços!...
...É pior que ter um filho
Que nos morresse nos braços!

Florbela Espanca 





2 comentários:

  1. Bom dia amiga Maria vim ler este poema lindo de Florbela não existe para mim ninguém que escreva como ela
    lindo de mais obrigada querida por partilhar com os amigos tenha uma semana toda especial um abraço marlene

    ResponderEliminar
  2. Minha querida vim só rapidinho para tirar o link do seu blohue para meter nos meus , desejo tudo de bom com beijinhos de luz.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.