domingo, 2 de junho de 2013

Os Macacos da neve de Jigokudani Park


No parque Jigokudani Yaen Koen, um parque localizado no centro do Japão, no vale do rio Yokoyu , na cidade de Yamanouchi, vive uma comunidade de macacos japoneses - Nihon-zaru (Macaca fuscata), mais comumente referidos como macacos da neve.


Foto: tripideas.org-snow_Photo credit_Craig Anderson

Foto:www.clevernettle.com

Foto: wikipedia_yosemite


Cercado por penhascos íngremes e florestas a uma altitute de cerca de 850 metros este parque fica coberto de neve durante quatro meses por ano. As pessoas antigas chamavam a este vale "Jigokudani", o que significa "Vale do Inferno", devido ao vapor e às bolhas de água a ferver que saem de pequenas fendas no solo congelado.


Foto:www.Flickr.com_Eugene Nikiforov

Foto: Vimeo.Com

 
Foto: www.merledress


Os macacos da neve acostumaram-se durante o período de inverno e primavera, a descer das escarpas íngremes e das florestas para se sentar, nadar e brincar nas nascentes de águas quentes, retornando à noite para a segurança das florestas. Nos meses mais quentes eles alimentam-se e vagueam por outras partes do parque nacional. Desde a criação do Jigokudani Yaen-Koen, em 1964, este local tem sido visitado para assistir de perto aos macacos a tomar banho nas águas termais.


Foto: www.fotopedia.com_flickr_David_Mckelvey

Foto: www.okaeri-ch.com

Foto: www.topdealshotel.com


Estes animais são capazes de sobreviver a temperaturas abaixo de -15 ° C. Os seus corpos são cobertos por pêlos marrom-acinzentado, e a pele dos seus rostos, mãos e parte inferior é vermelha. Os machos atingem a maturidade sexual por volta dos 5-6 anos, as fêmeas em torno de 4 5 anos. As fêmeas têm um período de gravidez de cerca de 180 dias e dão à luz de dois em dois anos, um só bebê que nasce na primavera. Uma fêmea tem cerca de 10 bebês em toda a sua vida. A duração média de vida é de 25-30 anos.


Foto: www.pixechrome.com

Foto: www.geo.de

São onívoros, a sua alimentação incuí mais de 213 espécies de plantas, frutas, ervas, folhas maduras sementes caídas e insectos. As suas dietas variam sazonalmente alimentando-se mais de frutas no verão e ervas no inverno. Os macacos japonêses são animais diurnos. Começam a sua atividade no início da manhã e passam o seu tempo a alimentar-se, comunicar entre si e a descansar.


Foto: wikipedia_Tony_Hisgett


O tomar banho nas águas termais é apenas uma parte da sua vida diária. Alguns macacos não gostam de tomar banho. Comer e ter comunicação com outros macacos é mais importante para eles do que tomar banho. Em dias de inverno, com muito frio e neve, alguns macasos entram nas águas quentes e chegam quase a cair no sono ficando na "banheira" durante algumas horas.


Foto: 1ms.net

Foto: wikimapia.org

Foto: tumblr_mets


Vivem em sociedades matriarcais, ficando as fêmeas nos seus grupos natais durante toda a vida, enquanto os machos enquanto jovens, podem entrar e sair de qualquer grupo. Os grupos são compostos por machos e femeas, tendo os machos uma hierarquia superior, existindo um macho dominante (posição alfa). Nas fêmeas também existem hierarquias dependendo a sua posição no grupo da descendência da sua progenitora. Linhas matriarcais de nível superior têm uma maior coesão social. Relações fortes com fêmeas dominantes podem permitir que os machos dominantes mantenham a sua posição.


Foto: tripideas.org_Photo credit Marc Veraart

Foto: www.whatsonningbo.com

No ambiente frio e hostil do inverno o parque Jigokudani é um paraíso para estes belos animais.
 
Site Oficial : Jigokudani-yaenkoen 


Foto:www.tumblr.com


Fontes e Fotos: Wikipedia; http://www.japaoemfoco.com; http://hypescience.com/; http://www.jigokudani-yaenkoen.co.jp/english/html/top_e.htm; www.clevernettle.com; www.whatsonningbo.com; tripideas.org; wikimapia.org; 1ms.net; www.geo.de; www.pixechrome.com; www.Flickr.com; www.merledress; Vimeo.Com; www.okaeri-ch.com; www.topdealshotel.com; www.fotopedia.com; outros net;


27 comentários:

  1. Olá!Boa noite
    Maria
    nossa, que linda postagem e imagens. Sim,já ouvi falar muito dos Macacos da neve de Jigokudani Park.
    A fila de espera é grande para ir visitar o Spa dos macacos,hehehe, pois existe um limite de pessoas que podem visitar o local: Apenas 9 pessoas,e não podemos tocar neles e nem olhar em seus olhos (os macacos veem isso como uma ofensa.)...
    Obrigado pela partilha!
    Bom início de semana
    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Olá querida

    Muito obrigada, seu carinho me emociona.

    Está lindo seu cantinho.

    Tenha uma linda semana bjs.

    ResponderEliminar
  3. Maria.Amei o seu blog e esse post tão esclarecedor. Já a sigo aqui e vou colocar em minha lista de blogs favoritos.

    Obrigada por sua visita ao meu e volte sempre.

    Estou recomeçando um novo blog depois de terem excluído o meu e as amigas estão me ajudado a ter seguidores novos e recuperar os antigos.

    Beijos e linda semana

    Donetzka

    ResponderEliminar
  4. Maria,

    O seu blog está lindo!

    Uma vez assisti um programa que falava sobre estes macacos. Como é interessante esta maneira deles viverem.

    Beijos

    ResponderEliminar
  5. Que legal, eles vivem em harmonia todos juntos, belíssimas fotos, não sabia que existia macacos da neve, post maravilhoso. Maria beijos.
    Lucimar Estrela da Manhã
    Divulgue seu blog no Face
    Fan Page Retribuo Curtidas

    ResponderEliminar
  6. Maria, obrigada pelo seu comentário.
    Esta é uma interessantíssima reportagem sobre estes nossos primos que têm um ar absolutamente humano.
    Tenha uma boa semana.
    Beijo

    ResponderEliminar
  7. Uma pequena parte do Paraíso.
    Estes macacos vivem como os seus antepassados e não alteraram os seus habitats.

    ResponderEliminar
  8. Muito lindo e adorei ver essa turminha toda! beijos,linda semana,chica

    ResponderEliminar
  9. Apesar de não gostar lá muito de macacos (mas estes são um encanto)
    vim trazer-lhe um abraço, um sorriso amigo.
    Há alturas em que faltam as palavras...
    Beijo.
    isa.

    ResponderEliminar
  10. Bom dia! Que belo texto, obrigado por compartilhar... Tudo tão cheio de vida!!

    Beijão!!

    ResponderEliminar
  11. Não paro de admirar o quanto a natureza tem de maravilhoso!!!
    Obrigada por mais esta demonstração!!!!
    bjs
    anacosta

    ResponderEliminar
  12. Tazes-nos sempre imagens apetecíveis e lugares não menos.

    E depois, a maneira de escreveres também nos fascina e nos faz desejar esses lugares.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  13. Já havia visto uma matéria documentário na TV National Geographic sobre esses primatas.
    Sua postagem ficou ótima e bem ilustrada, parabéns.
    Abraço

    ResponderEliminar
  14. María gracias por tu visita, por tu presencia en mi blog.
    Maravilloso post,¡ Sorprendente!.
    Dios te bendiga. Un abrazo.

    ResponderEliminar
  15. Que interessante Maria e como tem situações e lugares que desconhecemos .Não sabia que os macacos resistiam a neve e frio intenso.
    Gostei demais da série _ são muito engraçados não bonitos apenas diferentes e inteligentes ,
    abraços Maria e boa semana

    ResponderEliminar
  16. Maria,sensacional a sua postagem de hoje!Não conhecia esses macacos e achei fofos, uma graça!Muito interessante o modo de vida deles,não imaginava!bjs e boa semana,

    ResponderEliminar
  17. Olá Maria! Passando para agradecer e retribuir a tua visita e amável comentário, assim como ampliar os meus conhecimentos com essa viagem espetacular que me proporcionaste. Belo post.

    Beijos e muita saúde pra ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderEliminar
  18. Que maravilha de post, ótimo texto e belas imagens. Parabéns! Mil bjus.

    ResponderEliminar
  19. Muito obrigada por tanta informação interessante. Não conhecia e adorei ver a forma de viver destes macacos ; fiquei também surpreendida com toda esta água quente num ambiente gelado. A Natureza é impressionante!!!. Um beijinho e..gostei muito! Uma boa semana, Maria.
    Emília

    ResponderEliminar
  20. Olá Maria,

    Depois de um tempinho ausente cá estou de volta.
    Que lindas essas imagens. A natureza é divina, uma benção.
    Esse parque deve ser um paraíso. Perfeito!

    Beijos e ótima semana!

    ResponderEliminar
  21. Deslumbrante simplesmente!
    Bom sera que o homem vivesse em harmonia como estes animais.
    Boa semana querida dentro do possivel

    beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  22. Amiga Maria, Graça e Paz! Muita força do Senhor!!
    Achei lindo o seu post... Imagino esses macaquinhos sentindo tanto frio! A penúltima foto tá demais, salvei p mim!!!

    Um abraço e beijinhos...

    ResponderEliminar
  23. Sempre genial nas suas postagens diferentes, enriquecedoras, lindas e que me transportam quase para um mundo de magia onde aterro e esqueço o tempo. Literalmente.
    Obrigada por estes momento Maria, e pelas suas palavras.
    Um sorriso com um beijinho

    ResponderEliminar
  24. Que você possa construir um caminho
    de alegrias e realizações..
    Ser Feliz.
    E vivendo apaixonadamente e expressando
    com alegria de viver a pessoa especial que você é.
    Sinta a presença de Deus abençoando sua vida
    cada passo de sua caminhada.
    Uma abençoada e feliz semana beijos no coração,Evanir.
    Deixei mimos na postagem .
    Fique a vontade para pegar.

    ResponderEliminar
  25. Que curiosos e diferentes!
    Tantos lugares maravilhosos...
    Beijos

    ResponderEliminar

  26. Maria, Querida

    Fascinante! Muito bem documentado e explicado.
    As delícias ou alívios das penas (frias e geladas)a que estão sujeitos pelas agruras do termómetro, não deixa de ser um divertido SPA.


    Beijos


    SOL

    ResponderEliminar

  27. Querida Maria

    Impressionantes estes animais e o próprio ambiente.
    Parece estarem a envergar casacos de pele com capuz.

    Desejo-lhe tudo de bom.

    Bjinhos

    Olinda

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.