sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Natal todo dia - Roupa Nova





Um clima de sonho se espalha no ar
Pessoas se olham com brilho no olhar
A gente já sente chegando o Natal
É tempo de amor, todo mundo é igual

Os velhos amigos irão se abraçar
Os desconhecidos irão se falar
E quem for criança vai olhar pro céu
Fazendo pedido pro velho Noel

Se a gente é capaz de espalhar alegria
Se a gente é capaz de toda essa magia
Eu tenho certeza que a gente podia
Fazer com que fosse Natal todo dia

Se a gente é capaz de espalhar alegria
Se a gente é capaz de toda essa magia
Eu tenho certeza que a gente podia
Fazer com que fosse Natal todo dia

Um jeito mais manso de ser e falar
Mais calma, mais tempo pra gente se dar
Me diz porque só no Natal é assim
Que bom se ele nunca tivesse mais fim

Que o Natal comece no seu coração
Que seja pra todos, sem ter distinção
Um gesto, um sorriso, um abraço, o que for
O melhor presente é sempre o amor

Roupa Nova
Composição: Mauricio Gaetani Tapajós


Que o espírito do natal encha os nossos corações de amor e paz durante todos os dias do Novo Ano que está a chegar.

15 comentários:

  1. Realmente que chegue o VERDADEIRO NATAL, com simplicidade e muito amor! beijos,Feliz Natal! chica

    ResponderEliminar
  2. Maria, essa música é linda!
    Que bom seria se vivêssemos o Natal todos os dias...
    Que os sonhos te acompanhem sempre!
    Um abraço!

    ResponderEliminar
  3. Essa canção nos leva ao que de mágico tem
    o Natal....mas será duradouro??..A maioria
    das vezes se esfuma rapidamente...Pena...
    Beijo

    ResponderEliminar
  4. A musica é linda, o poema é maravilhoso.
    Afinal Natal é sempre que o homem quizer.
    Desejo um bom e feliz Natal para todos os seguidores deste belíssimo blog.
    Manuel Aldeias

    ResponderEliminar
  5. Um lindo natal para você e toda a família,Maria! Meu abraço.Paz e bem.

    ResponderEliminar
  6. Musica muito bonita.

    beijo e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  7. Que gosto ouvir que pessoas se olham,
    "é tempo de amor, os desconhecidos irão se falar, as crianças olham para o céu, esperam pelo Papai Noel".

    Obrigado! e desejo um feliz Natal para todos

    ResponderEliminar
  8. Como é linda esta música!
    Que bom seria que as nossas almas sentissem mais tempo o Natal.
    Beijo.
    isa.

    ResponderEliminar
  9. Lindoooo demais querida...que o Natal seja realmente sinônimo de AMOR...
    Feliz Natal minha querida...beijinhos
    Valéria

    ResponderEliminar
  10. Olá, querida
    Quantos desejos bons!!!
    Seja feliz e abençoadada!!!
    Boas Festas e bjs de paz!!!

    ResponderEliminar
  11. Gosto imenso dessa música, que bom seria que as coisas assim fossem.
    Bjs

    ResponderEliminar
  12. MARIA


    É Natal
    um beijo e sou uma Sonhadora ainda acredito que um dia vai ser natal para todas as crianças...

    MAGIA


    Natal...
    Palavra mágica...
    Só em Dezembro...
    Porquê Natal?...
    Porque não...
    Todos os dias?...

    Vamos fazê-lo...
    Vamos parar...
    Vamos pensar...
    E ver que cada um...
    Se olhar ao seu redor...
    Todos os dias...

    Pode fazer...
    Sempre Natal!...


    LILI LARANJO

    O meu livro já nasceu...

    ResponderEliminar
  13. Olá, vim deixar um carinho de amiga, com abraços de paz, beijos no teu coração.♥

    Olavo Bilac

    Natal


    Jesus nasceu. Na abóbada infinita
    Soam cânticos vivos de alegria;
    E toda a vida universal palpita
    Dentro daquela pobre estrebaria...

    Não houve sedas, nem cetins, nem rendas
    No berço humilde em que nasceu Jesus...
    Mas os pobres trouxeram oferendas
    Para quem tinha de morrer na cruz.

    Sobre a palha, risonho, e iluminado
    Pelo luar dos olhos de Maria,
    Vede o Menino-Deus, que está cercado
    Dos animais da pobre estrebaria.

    Não nasceu entre pompas reluzentes;
    Na humildade e na paz deste lugar,
    Assim que abriu os olhos inocentes
    Foi para os pobres seu primeiro olhar.

    No entanto, os reis da terra, pecadores,
    Seguindo a estrela que ao presepe os guia,
    Vem cobrir de perfumes e de flores
    O chão daquela pobre estrebaria.

    Sobem hinos de amor ao céu profundo;
    Homens, Jesus nasceu! Natal! Natal!
    Sobre esta palha está quem salva o mundo,
    Quem ama os fracos, quem perdoa o mal,

    Natal! Natal! Em toda a natureza
    Há sorrisos e cantos, neste dia...
    Salve Deus da humildade e da pobreza
    Nascido numa pobre estrebaria.

    FELIZ NATAL!

    ResponderEliminar
  14. Olá, vim deixar um carinho de amiga, com abraços de paz, beijos no teu coração.♥

    Olavo Bilac

    Natal


    Jesus nasceu. Na abóbada infinita
    Soam cânticos vivos de alegria;
    E toda a vida universal palpita
    Dentro daquela pobre estrebaria...

    Não houve sedas, nem cetins, nem rendas
    No berço humilde em que nasceu Jesus...
    Mas os pobres trouxeram oferendas
    Para quem tinha de morrer na cruz.

    Sobre a palha, risonho, e iluminado
    Pelo luar dos olhos de Maria,
    Vede o Menino-Deus, que está cercado
    Dos animais da pobre estrebaria.

    Não nasceu entre pompas reluzentes;
    Na humildade e na paz deste lugar,
    Assim que abriu os olhos inocentes
    Foi para os pobres seu primeiro olhar.

    No entanto, os reis da terra, pecadores,
    Seguindo a estrela que ao presepe os guia,
    Vem cobrir de perfumes e de flores
    O chão daquela pobre estrebaria.

    Sobem hinos de amor ao céu profundo;
    Homens, Jesus nasceu! Natal! Natal!
    Sobre esta palha está quem salva o mundo,
    Quem ama os fracos, quem perdoa o mal,

    Natal! Natal! Em toda a natureza
    Há sorrisos e cantos, neste dia...
    Salve Deus da humildade e da pobreza
    Nascido numa pobre estrebaria.

    FELIZ NATAL!

    ResponderEliminar
  15. Amiga querida!
    Adooooro essa musica!
    Estamos vivendo uma época especial!
    Trouxe uma oração de Natal,
    pois desejo tudo de bom a você, nestas Festas e sempre!

    ORAÇÃO NO NATAL


    Jesus, que neste Natal, Seu olhar de luz penetre nossa alma, como a brisa morna da primavera, e acorde a esperança adormecida sob as folhas secas das ilusões, dos medos, da indiferença, do desespero...

    Que Seu perfume, suave como a ternura, envolva todo o nosso ser, confortando-nos e despertando a alegria que jaz esquecida por trás das lamúrias e distrações do caminho...

    Que o bálsamo do Seu amor acalme as nossas dores, silencie as nossas queixas, socorra a nossa falta de fé.

    Que, neste Natal, o calor da Sua bondade se derrame sobre o nosso Espírito e derreta o gelo milenar do egoísmo que nos infelicita e faz infelizes nossos semelhantes...

    Que Seu coração generoso afine as cordas da harpa viva que vibra em nossa intimidade, e possamos cantar e dançar, até que o preconceito fuja, envergonhado, e não mais faça morada em nós...

    Que o Seu canto de paz seja ouvido por todos os povos, do Oriente e do Ocidente, e as guerras nunca mais sejam possíveis entre a raça humana...

    Que, neste Natal, Suas mãos invisíveis e firmes sustentem as nossas, e nos arranquem dos precipícios dos vícios, da ira, dos ódios que tanto nos infelicitam...

    Que a água cristalina da Sua misericórdia percorra nossa alma e remova o lodo do ciúme, da inveja, do desejo de vingança, e de tantos outros vermes que nos corroem e nos matam lentamente...

    Que o bisturi do Seu afeto extirpe a mágoa que se aloja em nosso íntimo e nos turva as vistas, impedindo-nos de ver as flores ao longo do caminho...

    Que, neste Natal, a pureza da Sua amizade faça com que possamos ver apenas as virtudes dos nossos amigos, e os abracemos sem receio, sem defesas, sem prevenções...

    Que Seu canto de liberdade ecoe em nós, para que sejamos livres como as falenas que brincam na brisa morna, penetrada pela suavidade da luz solar...

    Que o sopro da Sua fé nos impulsione na direção das estrelas que cintilam no firmamento, onde não mais se ouvem gemidos de dor, e onde a felicidade plena já é realidade.

    Ensine-nos, Jesus, a amar, a fazer desabrochar em nossa alma esse sol interior que nos fará luz por inteiro...

    Ajude-nos a desenvolver o gosto pelo conhecimento, para que possamos encontrar a verdade que nos libertará da ignorância pertinaz...

    E, por fim, Jesus, que neste Natal cada ser humano possa sentir a Sua presença sábia e amiga, convidando a todos a uma vida mais feliz...

    Tão feliz que Sua mensagem não mais seja um tímido eco repercutindo em almas vacilantes, mas que seja uma grande melodia que vibra o amor em todos os cantos da Terra...

    Beijinhos!

    Sônia Silvino's Blogs

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.