18/12/2020

Voto de NATAL - Poema de David Mourão-Ferreira




Acenda-se de novo o Presépio no Mundo!
Acenda-se Jesus nos olhos dos meninos!
Como quem na corrida entrega o testemunho,
passo agora o Natal para as mãos dos meus filhos.

E a corrida que siga, o facho não se apague!
Eu aperto no peito uma rosa de cinza.
Dai-me o brando calor da vossa ingenuidade,
para sentir no peito a rosa reflorida!

Filhos, as vossas mãos! E a solidão estremece,
como a casca do ovo ao latejar-lhe vida...
Mas a noite infinita enfrenta a vida breve:
dentro de mim não sei qual é que se eterniza.

Extinga-se o rumor, dissipem-se os fantasmas!
O calor destas mãos nos meus dedos tão frios?
Acende-se de novo o Presépio nas almas.
Acende-se Jesus nos olhos dos meus filhos.


David Mourão-Ferreira, in 'Cancioneiro de Natal'




13 comentários:

  1. Olá, amiga Maria!
    Belíssimo poema de David Mourão Ferreira!
    Parabéns pela excelente partilha!
    Um ótimo fim de semana e feliz Natal!
    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  2. Maria, what a pretty poem!
    Love theses words, I wish you peaceful Christmas holidays.

    ResponderEliminar
  3. Boa tarde!
    Que lindo poema!
    Abraços, e Feliz Natal!

    ResponderEliminar
  4. Boa tarde Maria.
    Um belo versar,preciso conhecer o autor que trazes na postagem.
    Xeru

    ResponderEliminar
  5. Un bello poema navideño y como dice estas fechas son mas especiales para los niños.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  6. Belo poema de Natal, que torna magnífica esta publicação.
    Beijo Maria, e bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  7. Desejo Feliz Natal Com muita poesia

    beijo

    ResponderEliminar
  8. Boa tarde Maria,
    Que poema tão belo! Não o conhecia.
    Obrigada por partilhá-lo.
    Desejo-lhe e a toda a sua Família santo e feliz Natal com muita saúde.
    Beijinhos,
    Ailime

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.

Topo