26/06/2020

Voz da Saudade - Poema de Euclides Cavaco





Saudade é quand'alma chora
O vazio que em nós ficou
De tudo o que foi embora
E na vida nos tocou !...

É a voz da emoções
Que acorda o sentimento
Em rios de divagações
Que correm sempre em lamento.

É lembrança entristecida
Que em nós dói profundamente
Dum alguém da nossa vida
Que partiu ou está ausente...

É dor no peito calada
E que a nossa alma invade
De memórias feitas nada...
Apenas... Voz da saudade !...


Euclides Cavaco


10 comentários:

  1. Um sentimento tão português!!
    Beijinhos, bfds

    ResponderEliminar
  2. Lindíssimo. Maravilhoso de ler
    .
    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  3. Poesia linda ,grande saudade! beijos, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  4. Um escolha de poema excelente. Obrigada!:)
    ~~
    Sinto em mim uma força interior

    Beijo e uma excelente Sexta Feira

    ResponderEliminar
  5. finalmente encontrei um Cavaco que tem o meu aplauso rss
    gostei do poema

    abraço

    ResponderEliminar
  6. Siempre del.dolor teje versos bellos para calmar la nostalgia.

    ResponderEliminar
  7. Thank you for sharing these words.

    All the best Jan

    ResponderEliminar
  8. Um sentimento muito nosso, magistralmente expresso, neste belo momento poético!...
    Adorei o poema! Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.

Topo