segunda-feira, 4 de junho de 2018

Deve chamar-se Tristeza





Deve chamar-se tristeza
Isto que não sei que seja
Que me inquieta sem surpresa,
Saudade que não deseja.

Sim, tristeza — mas aquela
Que nasce de conhecer
Que ao longe está uma estrela
E ao perto está não a ter.

Seja o que for, é o que tenho.
Tudo mais é tudo só.
E eu deixo ir o pó que apanho
De entre as mãos ricas de pó. 


Fernando Pessoa


38 comentários:

  1. Boa noite, querida amiga Maria!
    Sinto saudade... muita... de todos os que amo. Mesmo que os tenha visto ontem ... até mesmo hoje...
    Lindo pensamento de Pessoa!
    Seja muito feliz e abençoada junto aos seus amados!
    Bjm fraterno de paz e bem

    ResponderEliminar
  2. The girl symbolizes sadness very well. It's the sadness that comes from nowhere and everywhere and knows no bounds and leaves one in despair.

    ResponderEliminar
  3. Lindo blog
    Lindíssima poesia
    Beijos no coração
    Lua Singular

    ResponderEliminar
  4. Olá Maria! Passando para agradecer a tua visita e amável comentário deixado no nosso humilde espaço, assim como apreciar este belo poema do grande Fernando Pessoa, fruto das tuas belas escolhas.

    beijos e uma ótima semana para ti e para os teus.

    Furtado

    ResponderEliminar
  5. Um eterno descontente e uma alma eternamente inquieta.
    Bjs

    ResponderEliminar
  6. Dónde encuentras tus fotos magnificas? Las haces tu misma? Muy bonitas siempre. Un poco difícil de entender Google traducción de Pessoa, debería estudiar también portugués :)

    ResponderEliminar
  7. Obrigado :D

    tão lindo... :)

    NEW REVIEW POST | YOUTH LAB: DAILY SUNSCREEN GEL CREAM SPF 50 :D
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  8. It is a sad poem but very beautiful.
    Greetings!

    ResponderEliminar
  9. Hello dear Maria!
    Such a beautiful poem and lyrics!
    Lovely image too! Thank you for sharing!
    Have a lovely day!
    Dimi...

    ResponderEliminar
  10. Una bella poesía, a la que le has encontrado una imgaen también muy poética. La imagen y el texto parecen ir de la mano.

    Besos

    ResponderEliminar
  11. Bom dia!
    Linda imagem...há que se perguntar porque moça tão bela, num maravilhoso vestido, em uma noite encantadora como aquela parece tão triste...talvez, se não conservasse abaixada a cabeça, veria que tem muito a agradecer e pelo que ficar alegre...
    Muitas vezes assim agimos, achando que temos apenas o pó e a ele voltaremos. Felizmente encontrei a luz que me norteia e me diz que sou eterna, e os problemas que me achacam não o são. Desejaria que todos encontrassem esta luz e assim, fossem menos tristes...

    ResponderEliminar
  12. Gostei tanto do poema como da imagem . Parabéns pela escolha. :))

    Hoje, do Gil, que por motivos profissionais não pode visitar os blogues amigos:
    Coração em labaredas vulcânicas.

    Bjos
    Votos de uma boa Terça-Feira

    ResponderEliminar
  13. A tristeza e as suas nuances... Um bonito e forte poema!!!
    Abraços muitos...

    ResponderEliminar
  14. Olá Maria

    Pessoa é Pessoa . Aqui no Brasil gostamos muito de Fernando Pessoa. Principiando a ler já fui identificando o poetar desse ilustre mensageiro . Sim, mensageiro de todas as línguas e de todos os lugares.
    Foi muito bom trazê-lo para nós.

    bjs

    ResponderEliminar
  15. Un bello poema de este poeta portugués que me informe un poco y el día 13 seria su aniversario, motivo creo sería el porque de su segundo nombre.
    Tu supiste acompañar con una bella imagen.

    Saludos.

    ResponderEliminar
  16. Sendo um poema de Fernando Pessoa... vai-se dizer o quê???
    Que gostei, claro, o resto seriam palavras vãs...

    PS : Permita-me que lhe recordo que amanhã (às 0 horas do dia 6) haverá nova postagem na minha "CASA". Apareça!

    Feliz Terça-feira e uma boa semana.
    Beijinhos
    MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS

    ResponderEliminar
  17. Palavras maravilhosas de Fernando Pessoa!
    Como deve ser triste,ter saudades do que não se tem ou não se vê.
    Bjs Maria Rodrigues e obrigada pelo comentário no meu blog,estou voltando aos poucos.
    Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  18. Maria
    Numa entrevista, a falecida e conceituada fadista Conceição Freitas, actuava em São Paulo, disse: "fado não é triste". Tal como a frase da fadista, o mesmo se pode dizer da poesia Pessoana: estruturalmente nunca é triste, mas sim bem objectiva.
    Beijos

    ResponderEliminar
  19. Lindo poema, obrigado pela visita.
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com/
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  20. Que bela escolha Maria.
    beijinhos e boa semana.
    Léah

    ResponderEliminar
  21. Querida MARIA
    Que delicia de poema. Saudades da gentilezas das pessoas. Um belo dia de quarta feira para vc.

    ResponderEliminar
  22. Os poemas do Fernando Pessoa são sempre sensveis tiros certo.
    bjs

    ResponderEliminar
  23. Bom dia, a tristeza também faz parte da vida, Fernando Pessoa descreve na perfeição no belo poema.
    Continuação de feliz semana,
    AG

    ResponderEliminar
  24. Querida Maria
    Obrigada por nos deixar recordar um tão belo poema.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar
  25. It is sad, but then again quite beautiful.
    Nice to read, thank you.

    All the best Jan

    ResponderEliminar
  26. A beautiful image fitting to the poem.

    ResponderEliminar
  27. https://poemasdaminhalma.blogspot.com/
    Boa noite, amiga Maria!
    Obrigada por ter vindo, e ter-nos trazido esse maravilhoso poema, do nosso querido poeta... Fernando Pessoa.
    Beijinho e um bom início de semana.
    Luisa

    ResponderEliminar
  28. Estou passando para deixar um carinhoso
    abraço também desejar uma semana linda
    e abençoada.
    Estou feliz em estar aqui nesse cantinho
    tão especialpara mim.
    Desejo dias lindos para você.
    Beijos.
    Evanir.

    ResponderEliminar
  29. Quanta razão tinha!
    Esta tristeza tão nossa.
    Excelente.
    Beijinhos

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.