quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

♫ O Pastor - Madredeus ♫





Ai que ninguém volta
ao que já deixou
ninguém larga a grande roda
ninguém sabe onde é que andou

Ai que ninguém lembra
nem o que sonhou
(e) aquele menino canta
a cantiga do pastor

Ao largo
ainda arde
a barca
da fantasia
e o meu sonho acaba tarde
deixa a alma de vigia
Ao largo
ainda arde
a barca
da fantasia
e o meu sonho acaba tarde
acordar é que eu não queria.

Madredeus



"A música é a linguagem dos espíritos." (Khalil Gibran)

11 comentários:

  1. que musica linda, amiga Maria. Esse grupo é fantástico, tem músicas excelentes, adoro!

    obrigado por este prsente. e desejo a vc um bonito dia!

    bjs

    ResponderEliminar
  2. Maria!
    Linda postagem! Sempre são maravilhosas!
    És uma blogueira e tanto!!!!
    Beijinhos meus!

    ResponderEliminar
  3. É de facto uma bela canção....Ouvi com muito
    gosto; e o vídeo é bonito...não conhecia..
    Beijo

    ResponderEliminar
  4. Lindo, Lindo, Maria...conhecia a música, mas não essa bela interpretação.
    Obrigada, até arquivei, para ouvir sempre que desejar. Apropriadíssima, para essa época!

    Bom Natal, Maravilhoso Ano Novo!

    Beijinhos,
    da Lúcia

    ResponderEliminar
  5. muito sinceramente detesto Madredeus,nunca gostei deles. Minha musica vai para alem disso. Minha voz feminina favorita talvez seja Ruth Marlene. Masculina sem duvida alguma Tony Carreira. Estrangeira gosto de musica pop. Beijinhos. Uma santa noite e um excelente feriado para ti amiga.

    ResponderEliminar
  6. Boa noite!
    Vim ler teu post como sempre ...só te dou nota 1000,kkkkkkkkk
    Hoje vim trazer um convite especial.
    vá no meu cantinho comungar comigo da minha vitória da qual vc tbm faz parte.
    bjssssssssssss

    ResponderEliminar
  7. Olá Maria
    Uma bela canção, um belo grupo e uma voz espectacular.
    Beijinhos
    Lourdes

    ResponderEliminar
  8. Que bela canção querida Maria, vídeo maravilhoso!!
    Obrigada por compartilhar.
    Um grande abraço!

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.

Topo