quarta-feira, 28 de junho de 2017

MACAU - Igreja da Sé




A Igreja da Sé, também conhecida por "Igreja da Natividade de Nossa Senhora" é a atual Catedral da Diocese de Macau.




A Igreja inicial, muito simples e em madeira foi edificada entre 1622 e 1623. Foi elevada a Catedral em 1623. Em 1835 foi destruída por um tufão tendo o projecto de reconstrução sido confiado ao arquitecto José Tomás d'Aquino e executado durante o bispado de Jerónimo José da Mata (1845-1862). Nessa enorme renovação foi já construída em pedra tendo sido consagrada em 1850 pelo então Bispo de Macau, D. Jerónimo José da Mata. Voltou a sofrer grandes obras de restauração em 1937.







A igreja é dedicada à Natividade da Santíssima Virgem Maria. De imensa beleza são os seus magníficos vitrais com imagens do nascimento da Virgem Maria.



Está incluída na Lista dos monumentos históricos do "Centro Histórico de Macau", estando assim incluída na Lista do Património Mundial da Humanidade da UNESCO.




Ao lado, num lindo edifício amarelo está o Paço Episcopal.




Largo da Sé





Fotos: Pessoais
Texto explicativo: Wikipedia



9 comentários:

  1. Pela bravura dos Lusos : em 1557 o imperador consentiu que os portugueses se instalassem legalmente na Macau.
    Abraço

    ResponderEliminar
  2. Obrigada por dar a conhecer!
    Olhares interessantes ... Bj

    ResponderEliminar
  3. Um local tranquilo e simpático. Excelentes fotos. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  4. Muito linda Maria Rodrigues e com esses vitrais que nos transmitem muita paz.
    Gostei.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  5. Belíssima partilha querida amiga ,muitos beijinhos felicidades

    ResponderEliminar
  6. Mais uma vez somos brindados com muita cultura e belíssimas imagens, adorei saber mais sobre a Igreja da Sé.
    Beijos!!

    ResponderEliminar
  7. Os vitrais são lindos.
    É igreja católica?

    ResponderEliminar
  8. Belas imagens desta Igreja.
    Um post que encanta.
    Parabéns, Maria !
    Um abraço .

    ResponderEliminar
  9. Mais uma postagem belíssima! Gostando muito de conhecer Macau pelos seus olhares, querida Maria.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.