quarta-feira, 16 de maio de 2012

Girafa


A história da Vida na Terra é uma história de extinções, estas extinções naturais ocorrem, no entanto, ao longo de períodos relativamente longos, permitindo a evolução de novas formas de vida. Muitos animais evoluíram e depois extinguiram-se e o seu lugar na natureza é então ocupado por outro grupo de animais. Isto não é o que acontece na actualidade, com a ajuda do Homem!



A extinção é o desaparecimento irreversível de espécies e acontece quando o último animal de uma determinada espécie morre.

Penso que é importante ir sempre “passando” a mensagem da importância de preservarmos a Natureza, a vida selvagem, o ambiente, “O nosso magnifico Planeta”.

Hoje vamos falar da: Girafa

Foto: wikipedia: Roland H. http://www.flickr.com/photos/rolandh


Nome Científico: Giraffa camelopardalis
Ordem: ARTIODACTYLA
Família: Giraffidae

• A girafa é o mamífero mais alto do mundo.


Foto: Wikipedia:Steve Garvie


Distribuição e Habitat :
Actualmente, as girafas encontram-se principalmente em áreas protegidas em África. Habitam em savanas pouco arborizadas. A girafa percorre as savanas e bosques abertos, desde o sul do Sahara ao sul do continente africano.

Foto: Net

Identificação:
A girafa é o mais alto dos animais vivos, podendo atingir uma altura de 5,5 metros. Possui um pescoço muito longo, que apresenta, no entanto, apenas sete vértebras (tal como a maior parte dos mamíferos). A pelagem é amarelada ou branca com manchas irregulares de tonalidade castanha. As manchas possuem um padrão único para cada indivíduo e o auxilia a se mimetizar por entre as sombras das árvores onde habita. Essas manchas também concentram, debaixo da pele, vasos sanguíneos e são responsáveis pela manutenção da temperatura corporal adequada das girafas.

Foto: Pessoal

As girafas têm a língua muito comprida. As patas são muito longas e a cauda é terminada por um tufo comprido de pêlos. Existe apenas uma espécie de girafa, sendo reconhecidas nove subespécies, que se distinguem pelo padrão da pelagem – que varia com a localização geográfica do território – e pelo número de chifres presentes em ambos os sexos.


Foto: Net

Apesar de praticamente não ter predadores fica mais vulnerável quando bebe água, quando é jovem ou quando está doente. No entanto, as suas fortes patas podem desferir coices capazes de matar um leão. O tempo médio de vida de uma girafa vai de 25 a 30 anos.


Foto: Wikipedia:Steve Garvie

Hábitos :
É um animal gregário constituindo rebanhos ou bandos pouco numerosos, andando rapidamente, a passo travado e associando-se aos antílopes e avestruzes nas savanas africanas ao sul do Saara.
As girafas dormem aproximadamente duas horas por dia e um pouco de cada vez. Elas dormem em pé e, apenas em ocasiões muito especiais, quando se sente completamente segura, se deita no chão para descansar. A girafa só se deita se estiver segura pois, caso um predador se aproxime, ela demora muito tempo para se levantar devido a seu tamanho.


Foto: Net

Alimentação:
Alimentam-se preferencialmente de rebentos e da folhagem do alto das acácias. O seu alimento preferido, por serem ricas em água, são as muito espinhosas folhas das acácias, uma dieta que lhes permite aguentar mais de um mês sem beber.


Foto: Pessoal

Reprodução:
Acasalam em qualquer época do ano. Os machos lutam entre si pelo direito de acasalar com as fêmeas, atingindo com o pescoço o corpo e as patas dos opositores. A gestação dura 420 a 450 dias, nascendo só uma cria de cada vez com uma altura que oscila entre 1,5 e 1,7 metros. O seus chifres nascem soltos no crânio para que não machuquem a mãe durante sua saída do útero.


Foto: wallpaper-gallery.net - Autor: Luca Galuzzi

As crias, cujo peso à nascença pode chegar aos 100 kg, caem de 2 m de altura quando nascem, pois a progenitora não se deita aquando do parto.

A cria é amamentada e defendida pela progenitora até cerca dos seis a oito meses. A partir daqui a mãe já não a protege, mas a cria segui-la-á até atingir um ano de idade ou mesmo a maturação sexual, que é atingida entre os quatro e os seis anos de idade.


Foto: Wikipedia: John Storr

Principais ameaças:
É uma espécie em risco e dependente de conservação (segundo a União Internacional para a Conservação da Natureza). Outrora encontrava-se em todo o continente africano, onde houvesse habitat apropriado. Hoje está limitada a uma distribuição fragmentada em zonas protegidas.
A espécie mais ameaçada é a girafa reticulada (Giraffa camelopardalis reticulata), encontrada no Quênia, na Etiópia e na Somália.


Fontes e Fotos: Wikipedia; Portlasaofrancisco; http://www.zoo.pt/; www., outros

Foto: Pessoal


“A Terra provê o suficiente para as necessidades de todos os homens, mas não para a voracidade de todos.” (Mahatma Gandi) .

10 comentários:

  1. Beijinho grande, Maria e muito obrigada pelas excelentes postagens que connosco, isto é cultura.

    Beijinho,
    Ana Martins

    ResponderEliminar
  2. Olá amiga: Espero que tenhas tido um dia das mães maravilhoso, cheio de alegria.
    Que animal diferente a girafa,inclusive por causa de seu pescoço longo não emite sons muito, mas deu-me uma certa agonia quando soube disto, tão exuberante com tantas caracteristicas únicas e completamente silencioso! Coisas da natureza...
    Parabéns mais uma vez pelo dia das mães.
    beijos
    Léah

    ResponderEliminar
  3. Dos mais belos animais, de grande porte. Quanto de aprendizagem tive hoje. Sempre admirei esse animal, quando visitava Jardim Zoológico do Rio de Janeiro. As imagens são belíssimas, Maria. Amei!

    Um abraço,
    da Lúcia

    ResponderEliminar
  4. A girafa é um animal bonito, sem dúvida. Coitado, faz a sua entrada no mundo de uma altura de quase dois metros!

    Bons sonhos.

    ResponderEliminar
  5. oi Maria,

    adoro girafas,
    acho que elas tem uma carinha linda,
    obrigada por me mostrar um pouco mais,
    desses lindos animais...

    beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Boa tarde Maria!
    Sem dúvida é um belo mamífero.
    Gosto de girafas.
    Beijo,
    Mara

    ResponderEliminar
  7. Se puder escolher, numa próxima vida, vou querer ser girafa... só para ouvir - "É linda!"

    Beijo

    Laura

    ResponderEliminar
  8. Maria que bela escolha.Estas maravilhas da Natureza revelam bem o tamanho da Criação.Adorei.Um beijiho.

    ResponderEliminar
  9. Que ótima postagem minha querida, é sempre bom aprender um pouco e aqui aprende-se muito!
    Obrigada amiga.
    Um abraço com carinho. Muita paz.

    ResponderEliminar
  10. Querida Maria

    A girafa, um animal belo e estranho. Faz lembrar os dinossauros herbívoros, com aquele pescoço
    tão longo. É importante que sejam defendidos da extinção e ainda bem que já há medidas nesse sentido.

    Obrigada por mais esta viagem ao reino animal.

    Bjs

    Olinda

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.