terça-feira, 19 de novembro de 2019

Menina Perdida - Poema de Fernanda de Castro



Menina perdida
no bosque da vida.


Os olhos desertos,
os gestos errados,
os passos incertos,
os sonhos cansados.

Menina perdida,
desaparecida
nos longos caminhos
de pedras e espinhos.
Cabelos molhados,
pés nús, alma exangue,
vestidos rasgados,
mãos frias, em sangue.

Menina encontrada
na berma da estrada.
Andava perdida
mas já foi achada,
de branco vestida,
de branco calçada.

Menina perdida
no bosque da vida.


Maria Fernanda de Castro



15 comentários:

  1. Lindo poema! Como sempre faço, fiquei por alguns minutos divagando sobre essa menina de vestidos rasgados... mas encontrada vestida de branco... Ocorreu-me ser, talvez, suas muitas desilusões, as quais, no entanto, não tiram seus sonhos de ser feliz, e sua eterna esperança...
    Um beijo carinhoso

    ResponderEliminar
  2. Poesia linda ,bem ilustrada! beijos, chica

    ResponderEliminar
  3. Bom dia de Serena paz, querida amiga Maria!
    Um lindo poema onde a menina do bosque perdida se perde e se acha...
    Tenha dias felizes e abencoados!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

    ResponderEliminar
  4. Muito bonito o poema, Maria, bem escolhido!
    O bosque da vida nos chama a sonhar e encontrar grandes alegrias...
    Bjs

    ResponderEliminar
  5. Às vezes precisamos estar perdidos para nos encontrar em nós mesmos!
    Que belos versos os da Fernanda!



    Um abraço!

    ResponderEliminar
  6. Parabéns por nos trazer um poema tão bonito:))

    Hoje : O Meu horizonte adormecido.

    Bjos
    Votos de um óptimo Domingo

    ResponderEliminar
  7. A great poem and a beautiful picture.
    Hugs and greetings.

    ResponderEliminar
  8. Que poema soberbo! Obrigada pela partilha, amei!

    Beijos. Boa noite!

    ResponderEliminar
  9. A beautiful image and poem …

    All the best Jan

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.

Topo