terça-feira, 3 de julho de 2012

A voz do Búzio - Poema de Mª Isabel Soares




A voz do Búzio

Eu trouxe da praia
Um búzio bonito
Que tem um segredo
Em que eu acredito

Lá dentro escondido
Alguém a chamar…
Ponho-o ao ouvido
Escuto a voz do mar

O mar e o sol
E a praia inteira
Guardados num búzio
Na minha algibeira

Mª Isabel Mendonça Soares






"Por vezes sentimos que aquilo que fazemos não é senão uma gota de água no mar. Mas o mar seria menor se lhe faltasse uma gota."( Madre Teresa de Calcutá )

2 comentários:

  1. Olá Maria bom dia,
    Que belo poema e imagem.
    A voz do mar que nos fala ao ouvido através dos búzios...
    A areia dourada e sol tão apelativos.
    Beijinhos e votos de um dia feliz.
    Ailime

    ResponderEliminar
  2. Muito lindo este poema... doce semana minha querida amiga,beijinhos
    Valéria

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.

Topo