quarta-feira, 16 de julho de 2014

Gigantescas Esculturas em Palha Arroz



No Japão, após a colheita do arroz, a palha deixada para trás é aproveitada por artistas, para criar gigantescas esculturas de palha.




São realizadas festivais anuais pela Prefeitura de Kagawa e de Niigata, de modo a mostrar aos visitantes estas impressionantes criações.





O festival é uma celebração anual de outono, e as esculturas são criadas pela população local e por estudantes universitários das áreas de arte e arquitetura.




As esculturas tomam diferentes formas, desde animais, tubarões, tartarugas e mamutes, bem como tanques e navios. São construías com armação de madeira e tubos que depois são cobertas com palha.





Fontes e Fotos: kotaku

"Todas as artes contribuem para a maior de todas as artes, a arte de viver." (Bertold Brecht)

8 comentários:

  1. Que linda obra hein, Ana!!!
    Obrigada por compartilhar!!!
    Bjos!!!

    ResponderEliminar
  2. Uma arte bastante criativa. Quando a festa termina deve ser difícil destruir as construções pelo tempo gasto e pelo trabalho .

    ResponderEliminar
  3. Lindas e inusitadas!Adorei! bjs, tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  4. oi minha amiga,

    que espetáculo,
    os orientais são mesmo demais...
    tenho muita admiração por eles e sua cultura...

    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Olá:)

    Que esculturas fantásticas! Uma ideia genial para aproveitar a palha de arroz, fiquei impressionada.

    Bom resto de semana!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Lindo post e que belas artes, Maria! Estive recentemente no Japão e presenciei o início da Primavera... Eles são caprichosos e tudo faz com imenso carinho...

    O meu abraço...

    ResponderEliminar
  7. Boa tarde Maria, belíssimas tradições transformadas em arte!
    E as tradições revelam a alma dos povos,
    Um beijinho,
    Ailime

    ResponderEliminar
  8. Desconhecia, mas achei muito interessante, Maria.
    Beijinho.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.