domingo, 3 de setembro de 2017

A Pequena Vaga






Mar de pequena vaga e céu azul:
a irrupção das frésias na manhã
faz destas ruas um jardim do sul.

Eugénio de Andrade




6 comentários:

  1. Muitos beijinhos querida amiga ,desejo-lhe uma semana muito abençoada

    ResponderEliminar
  2. Olá Maria,
    Eu realmente acho que isso é muito bonito!
    Estou muito entusiasmado com isso.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  3. Querida Maria
    Imagem maravilhosa!
    Lindo poema!
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderEliminar
  4. Um poema lindo do Eugênio com toda sua sensibilidade e ilustração belíssima Maria.
    Um encanto Céu e mar e um farol por testemunha, que faz inspirar.
    Abraços amiga.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.