domingo, 11 de setembro de 2016

Bucólica - Poema de Miguel Torga




A vida é feita de nadas:
De grandes serras paradas
À espera de movimento;
De searas onduladas
Pelo vento;

De casas de moradia
Caídas e com sinais
De ninhos que outrora havia
Nos beirais;

De poeira;
De sombra de uma figueira;
De ver esta maravilha:
Um pai a erguer uma videira
Como uma mãe que faz a trança à filha.


Miguel Torga


5 comentários:

  1. Bom dia querida amiga!
    Gosto muito de Miguel Torga e sua escolha foi perfeita.
    Grande beijo em seu coração e feliz semana.

    ResponderEliminar
  2. Maria, minha linda, a vida é mesmo feita de pequeninos 'nadas', mas que ficam a nos enfeitar a alma com tanta doçura a cobrir os momentos preciosos.
    As fotos das tuas viagens, que muitos dos lugares também já tive oportunidade de conhecer, simplesmente nos dão vontade de voltar imediatamente a visitar (risos).
    Minha linda, mesmo em pausa, quando bate aquela saudade dos amigos o jeito é encontrar um tempinho para visitá-los. E assim eu fiz, para vir te trazer um punhado de sorrisos e um ramalhete de estrelas para enfeitar a tua semana.

    Fica em paz! Fica com Deus! E que Ele continue a iluminar a tua vida!

    Com carinho,
    Helena

    ResponderEliminar
  3. A escolha não poderia ser melhor Maria.
    No ultimo verso um show de ternura.
    Que linda partilha Maria.
    Bjs

    ResponderEliminar
  4. Peço desculpa pelo atraso mas infelizmente o meu pc avariou , beijinhos querida amiga

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.