quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Distância - Poema de Fernanda de Castro



Não vás para tão longe!
Vem sentar-te
Aqui na chaise-longue, ao pé de mim...
Tenho o desejo doido de contar-te
Estas saudades que não tinham fim.

Não vás para tão longe;
Quero ver
Se ainda sabes olhar-me como d'antes,
E se nas tuas mãos acariciantes,
Inda existe o perfume de que eu gosto.

Não vás para tão longe!
Tenho medo
Do silêncio pesado d'esta sala...
Como soluça o vento no arvoredo!
E a tua voz, amor, como se cala!

Não vás para tão longe!
Antigamente,
Era sempre demais o curto espaço
Que havia entre nós dois...
Agora, um embaraço,
Hesitas e depois,
Com um gesto de tédio e de cansaço,
Achas inconveniente
O meu abraço.

Não vás para tão longe!
Fica. Inda é tão cedo!
O vento continua a fustigar
Os ramos sofredores do arvoredo,
E eu ponho-me a pensar
E tenho medo!

Não vás para tão longe!
Na sombra impenetrada,
Como se agita e se debate o vento!...
Paira nas velhas ruínas do convento

Que além se avista,
A alma melancólica d'um monge
Que a vida arremessou àquela crista...

Céu apagado, negro, pessimista,
E tu sempre mais longe!...

Maria Fernanda Telles de Castro e Quadros

Blog: Fernanda de Castro








2 comentários:

  1. Os efeitos da distância, percebíveis quando a sensibilidade aflora. Versos muito belos escolheu. Bjs.

    ResponderEliminar
  2. Amiga Maria..
    A longa data não tenho o prazer da sua visita no meu blog,
    embora tenho me afastado um pouco sempre venho na sua casinha deixar meu carinho.
    Fico triste em pensar que alguma coisa não vai bem.
    Mesmo sendo dia dos pais só no Brasil
    venho do Brasil deixar meu carinho.
    Eu não tenho nacionalidade nem cor da pele
    eu só tenho amor.
    Um beijo feliz final de Domingo.
    Evanir.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.