quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Natal - Poema de Fernando Pessoa




Natal... Na província neva.
Nos lares aconchegados,
Um sentimento conserva
Os sentimentos passados.

Coração oposto ao mundo,
Como a família é verdade !
Meu pensamento é profundo,
Estou só e sonho saudade.

E como é branca de graça
A paisagem que não sei,
Vista de trás da vidraça
Do lar que nunca terei !


Fernando Pessoa

MENSAGEM ESPECIAL PARA TODOS VOCÊS ....


Peço desculpa da minha ausência nas visitas aos vossos blogs, mas a minha mãe encontra-se internada com problemas graves de saúde, pelo que o tempo disponivel tem sido pouco e a disposição também muito reduzida. Os meus posts já foram feitos à algum tempo atrás, estão agendados e vão saindo, apenas tenho moderado comentários e por vezes nem isso consigo fazer diáriamente. São dias dificeis ...Logo que seja possível irei visitá-los, desde já desejo a TODOS  um Feliz Natal.

3 comentários:

  1. Boa noite Maria, um lindo poema de de Fernando Pessoa! Só desejo que a sua mãezinha melhore da sua saúde e que pelo menos o vosso Natal seja de tranquilidade e Paz nos vossos corações.Feliz Natal com Jesus. Um grande beijinho com muita ternura. Ailime

    ResponderEliminar
  2. Olá Maria.
    Melhoras para a sua mãe
    Passei para lhe desejar um feliz natal e ano novo na mais completa paz
    Beijos.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.