quarta-feira, 6 de junho de 2012

Wilson's Bird-of-paradise – Uma ave de cores exuberantes


O Ave-do-paraíso-de-Wilson (Wilson's Bird-of-paradise), Cicinnurus Respublica, é uma lindissima ave de cores exuberantes.




Endêmica da Indonésia, encontra-se NAS colinas e florestas baixas das ilhas Waigeo e Batanta da Papua Ocidental.




Da família Paradisaeidae, é um passaro pequeno, que pode ter até 21 cm de comprimento. A sua dieta consiste principalmente de frutas e pequenos insetos.




O macho é vermelho e preto, com um manto amarelo no pescoço, boca verde claro, pés azuis e duas penas da cauda curvas violeta. A cabeça é azul, com padrão de cruz preta sobre ela.

No campo as penas azuis na coroa da cabeça da ave são tão nítidas que a ave é claramente visível à noite.



A fêmea tem uma cor mais discreta, sendo em tons de castanho mas também com o padrão de cruz sob o azul da cabeça, este em tons mais suaves.




O controverso nome científico da espécie foi dado por Charles Lucien Bonaparte, sobrinho de Napoleão e um idealista republicano, que descreveu o pássaro a partir de uma amostra muito danificada comprada pelo ornitólogo britânico Edward Wilson. Em 1863, o zoólogo alemão Heinrich Agathon Bernstein descobriu onde era o habit desta magnifica ave, Waigeo.

Fontes e Fotos: Wikipedia; http://www.arkive.org/wilsons-bird-of-paradise/cicinnurus-respublica/; outros.



“Sede como os pássaros que, ao pousarem um instante sobre ramos muito leves, sentem-nos ceder, mas cantam! Eles sabem que possuem asas.” Victor Hugo

9 comentários:

  1. Olá, Maria

    Bom dia

    Esta é uma das muitas preciosidades com que nos mima aqui no seu blog. É uma obra de arte da mãe-natureza, com uma paleta de cores intensíssima, com pormenores riquíssimos, então a cauda nunca vi nada assim. E o macho todo aparelhado com tais atributos para a dança de acasalamento e desconfio muito que no fim a fêmea é que tem a última palavra, sendo esta a sua arma...

    Beijos

    Olinda

    ResponderEliminar
  2. Todas as aves me encantam pela sua beleza, graciosidade mas principalmente por terem asas e poderem voar num Céu azul transpondo grandes vales ou árvores inacessíveis.

    Todos os seus trabalhos são de muito boa qualidade.

    ResponderEliminar
  3. oi Maria,

    um espetáculo da natureza...
    linda demais...

    beijinhos

    ResponderEliminar
  4. OI MARIA , MAIS UM PRESENTE PARA O NOSSO CONHECIMENTO, DESTA VEZ UMA OBRA PRIMA DA MÃE
    NATUREZA, LINDO O DETALHE DA CAUDA E DA CABEÇA, PARECE UM BARRETE USADO PER MUITOS RELIGIOSOS, ELE É TODO LINDO!! OBRIGADA MARIA PELA A VISITA , UM ABRAÇO CARINHOSO CELINA.

    ResponderEliminar
  5. Bonito este pássaro, Maria, tem a "carinha triste", mas é de impressionante beleza! Dizem que as aves machos são mais belas que as fêmeas... Né?!

    Um abraço grande, querida!

    ResponderEliminar
  6. Um passaro lindo e exótico. A cauda e os tons são um espectáculo da natureza. Obrigada por mais esta partilha.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  7. Uau!! Lindo demais!!!
    Não conhecia esta espécie, é novidade pra mim!
    Amei!!

    Beijinhos!♥

    ResponderEliminar
  8. Maria boa noite!
    Que pássaro lindo, nunca tinha visto!

    Beijinho,
    Ana Martins

    ResponderEliminar
  9. É tão bonita que gostava de a ver ao vivo!
    Bjs

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.