domingo, 17 de julho de 2011

O Paradoxo do Nosso Tempo - A carta de George Carlin





Nós bebemos demais, gastamos sem critérios.
Multiplicamos nossos bens, mas reduzimos nossos valores.
Nós amamos raramente, e odiamos frequentemente.
Aprendemos a sobreviver, mas não a viver.
Adicionamos anos à nossa vida, e não vida aos nossos anos.
Fomos e voltamos à Lua, mas não cruzamos a rua para encontrar um novo vizinho.




Conquistamos o espaço, mas não o nosso próprio.
Fizemos muitas coisas maiores, mas pouquíssimas melhores.
Limpamos o ar, mas poluímos a alma;
Dominamos o átomo, mas não nosso preconceito;
Escrevemos mais, mas aprendemos menos;
Planejamos mais, mas realizamos menos.




Aprendemos a nos apressar e não, a esperar.
Construímos mais computadores, mas nos comunicamos cada vez menos.
Estamos na era do 'fast-food' e da digestão lenta;
Tempo do homem grande de caráter pequeno;
Dos lucros acentuados e relações vazias.




Esta é a era de dois empregos, vários divórcios, casas chiques e lares despedaçados.
Esta é a era das viagens rápidas, fraldas e moral descartáveis. Dos cérebros ocos e das pílulas "mágicas".
Um momento de muita coisa na vitrine e muito pouco na despensa.
Uma era que leva esta carta a você, e uma era que te permite dividir esta reflexão ou simplesmente clicar em “delete”.




Lembre-se de passar tempo com as pessoas que ama, pois elas não estarão por aqui para sempre.

Lembre-se dar um abraço carinhoso em seus pais, num amigo, pois não lhe custa um centavo sequer.

Lembre-se de dizer "eu te amo" à sua companheira(o) e às pessoas que ama, mas, em primeiro lugar, ame... Ame muito.

Um beijo e um abraço curam a dor, quando vêm de lá de dentro. O segredo da vida não é ter tudo que você quer, mas AMAR tudo que você tem!

Por isso, valorize o que você tem e as pessoas que estão ao seu lado.

George Carlin



Para todos os AMIGOS um abraço bem apertado e os votos de um domingo maravilhoso e uma excelente semana. 

21 comentários:

  1. BOAS FÉRIAS

    Este post vem de encontro aquilo que vemos, e vivemos diariamente. Não é só para o lado de fora.
    Sinto que também estou dentro deste labirinto.
    - TANTO E TÃO POUCO -

    Haverá muito a aprender com estas linhas da vida que nos rodeia. Traços de quem se senta à mesa connosco mas não prova um calice do verdadeiro amor e partilha comum.

    No silêncio desta manhã foi bom ter ancorado neste recanto e meditar nos sábios conselhos que nos apresenta gratuitamente.
    Bem haja e que as férias sejam excelentes para todos vós.

    ResponderEliminar
  2. Amiga, bom dia.
    George Carlim é um sábio e sabe do que fala.
    "Dominamos o átomo, mas não nosso preconceito"
    Infelizmente minha querida, na maioria das vezes só olhamos os defeitos de uma pessoa, nunca suas virtudes. Depreciar alguém parece que até o vento ajuda!
    Felizmente sempre teremos alguém como George Carlim que sabiamente faz de suas palavras, a cura para muito de nossos males.
    Um fraterno abraço, beijos, e um bom domingo.

    ResponderEliminar
  3. Fiquei preso às palavras que acompanham as belas fotos.... Voltarei ...para meter na cabeça algumas delas....
    Tanta verdade...
    Beijo

    ResponderEliminar
  4. para além do texto, as fotos são belíssimas Maria..
    é preciso sempre repensar a vida..
    beijos e um lindo domingo

    ResponderEliminar
  5. Um texto maravilhoso!
    Vivemos em um tempo que adoramos usar a frase não tenho tempo...
    Esse tempo é precioso, e não usamos com as pessoas que nos amam de verdade e nem dizemos isso a elas
    Uma falha dos SEM TEMPO.
    bjos Maria e um bom domingo querida

    ResponderEliminar
  6. Esta postagem me fez meditar e lembrar de alguém que sempre diz não ter tempo para nada,a não se trabalhar. Gostaria que ele se lembrasse de passar tempo com as pessoas que ama(que o amam), pois elas não estarão aqui para sempre.

    Beijos
    PALOMA

    ResponderEliminar
  7. Hoje estou aqui para agradecê-la, obrigada pela sua companhia mesmo qdo estou ausente, é gratificante para mim saber que posso contar com ela, meu muito obrigada Maria, logo falarei o motivo de estar ficando tanto ausente assim, é contra a minha vontade.

    Um gde abraço.

    beijooo.

    ResponderEliminar
  8. Oi amiga.
    Em 1º lugar obrigada pelo abraço e um bom domingo pra vc tbm. Quanta verdade contém a carta de George Carlin, vivemos realmente este paradoxo;deixaste uma reflexão muito importante para nós. Que possamos sempre valorizar o que temos e amar os que estão ao nosso lado. Bjs.

    ResponderEliminar
  9. Que lindo post e que belíssima reflexão minha querida...
    Tenha uma ótima semana amiga...beijos
    Valéria

    ResponderEliminar
  10. Lembre-se de viver cada dia com sabedoria, beijo Lisette.

    ResponderEliminar
  11. Linda postagem! além das palavras para refletir, imagens de sonho!
    Bjs

    ResponderEliminar
  12. Uma ótima semana para você. Um abraço, Yayá.

    ResponderEliminar
  13. Teu blog continua cada vez melhor.Sempre venho aqui dar uma espiada e cada vez gosto mais.Continuarei seguindo.Abraços.Suze

    ResponderEliminar
  14. Oi minha querida!
    Passando para lhe desejar uma semana iluminada!
    Beijos meus

    ResponderEliminar
  15. Olá querida amiga Maria!
    Dentro em breve voltarei a trabalhar os meu blogues e a comentar em meus seguidores. Minha mãe já recuperou, foi um grande susto que me deixou muito em baixo. Gostei, mais uma vez, destas linda fotos e textos. Cá estarei para te acompanhar.
    Um beijo grande.

    ResponderEliminar
  16. Maria

    Foi um gosto ler reler, estes pensamentos filosóficos de George Calin, que aqui divulgas. Estou plenamente de acordo. Porém a definiçao!...
    Beijos

    ResponderEliminar
  17. Olá Maria,
    Sinto-me bem quando visito este espaço agradável e acolhedor.
    Sábias palavras emolduradas por imagens magníficas.
    Estamos a viver numa época em que tudo passa muito depressa.
    Temos que reaprender a viver, sermos mais responsáveis, reganhar confiança em nós próprios, descobrir novos caminhos.
    O valor da pessoa humana não tem preço, traz dentro de si o seu próprio valor.
    Bjis
    J

    ResponderEliminar
  18. Oi querida, volto aqui para rever seu belo post e te desejar uma bela tarde...beijos
    Valéria

    ResponderEliminar
  19. Maria querida
    Excelentes palavras!!! é de lamentar que nem todas as pessoas tenham capacidade para pensar e pôr em pratica. Por norma só no fim de se perder é que se dá valor.
    Beijinho muito grande

    ResponderEliminar
  20. Boa noite, Maria!
    Sábias e verdadeiras palavras.....
    parabéns pelo post.
    Beijo´e ótima semana.
    Com carinho,
    Mara

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.