quinta-feira, 28 de abril de 2011

Santuário do Bom Jesus de Braga


O Santuário do Bom Jesus do Monte ou Santuário do Bom Jesus de Braga é um local religioso e turístico localizado em Braga. O Santuário possui uma igreja, um escadório por onde passa a Via Sacra do Bom Jesus, uma mata (Parque do Bom Jesus), hotéis e um elevador hidráulico centenário.

Foto: http://www.skyscrapercity.com

O santuário do Bom Jesus serviu de inspiração a numerosas construções pelo mundo fora como o Bom Jesus de Congonhas em Congonhas, Brasil, o Santuário de Nossa Senhora dos Remédios em Lamego etc.

Foto: http://www.skyscrapercity.com

A Via Sacra
A Via Sacra do Bom Jesus é constituída por 17 capelas e uma igreja. O início da construção da via sacra deve-se ao arcebispo de Braga D. Rodrigo de Moura Teles. Originalmente todas as capelas eram uniformes na sua arquitectura: um cubo com uma porta encimado por uma pirâmide quadrada com uma esfera no vértice. Encimando a porta estava o brasão do arcebispo D. Rodrigo.

Foto: wikipedia_Antonio Amen

Os Escadórios
Os Escadórios do Bom Jesus ligam a parte alta da cidade de Braga ao Santuário do Bom Jesus do Monte. Seguem um percurso paralelo ao Elevador do Bom Jesus. Ao longo do escadório estão capelas que representam a Via Sacra do Bom Jesus. Os Escadórios do Bom Jesus têm um desnível de 116 metros e estão divididos em três partes: Escadório do Pórtico, Escadório dos Cinco Sentidos e Escadório das Três Virtudes.

Foto: http://www.skyscrapercity.com

• Escadório do Pórtico
O Pórtico, um arco à entrada da escadaria, mostra o brasão de D. Rodrigo de Moura Teles, Arcebispo de Braga, responsável pela construção, em 1723, do primeiro grande lanço de escadaria e capelas. Nesta primeira parte, estão presentes as capelas do início da Via Sacra: Cenáculo, horto, prisão, trevas, açoutes, coroação, pretório, caminho do calvário, queda e crucificação.

Foto: http://www.skyscrapercity.com

• Escadório dos Cinco Sentidos
Nesta parte do escadório estão cinco lances de escadas, intervalados por patamares com fontes alegóricas aos cinco sentidos, pela seguinte ordem: Visão, Audição, Olfacto, Paladar, Tacto.

Foto: http://www.skyscrapercity.com

• Escadório das Três Virtudes
Data de 1837, possui três fontes dedicadas às Virtudes teologais: Fé, Esperança, Caridade. Na fase terminal do escadório está presente a Fonte do Pelicano a que se segue a Igreja.

Foto: wikipedia_Jose Gonçalves

Terreiro de Moisés
Está situado entre o fim dos escadórios e o adro. No largo do Terreiro de Moisés estão duas capelas. A sul a capela da elevação e a norte a capela do descimento, ambas com esculturas em madeira de Fonseca Lapa. A praça, tal como a igreja, foram projectadas por Carlos Amarante. O fundo do largo é ornamentado pela fonte do pelicano concluída em 1819, obra do canteiro Jerónimo António da Silva.

Foto: Wikipedia_Jose Gonçalves

Era aqui que se situava a primitiva igreja, terminada em 1725, mandada construir por D. Rodrigo de Moura. No local onde se situava a torre da primitiva igreja, sobre um penedo, está actualmente a Estátua de São Longuinhos.

Adro
O Adro está situado entre o Terreiro de Moisés e a Igreja. No adro encontram-se oito estátuas: Anaz, Caifaz, Herodes e Pilatos, do lado sul; José de Arimateia, Nicodemos, Centurião e Pilatos, do lado norte.

Foto: wikipedia_ Anton

Igreja
Foi projectada pelo arquitecto Carlos Amarante, por encomenda do Arcebispo D. Gaspar de Bragança, para substituir uma primitiva igreja, mandada construir por D. Rodrigo de Moura Teles, que se encontrava em ruínas. As obras começaram em 1 de Junho de 1784, tendo ficado concluídas em 1811. É um dos primeiros edifícios neoclássicos em Portugal. A fachada é ladeada por duas torres e termina num frontão triangular. Na Igreja do Bom Jesus está representado Cristo crucificado.

Foto: cidadedebraga.blogs.sapo.pt

Últimas capelas
A via sacra continua num novo lanço de escadas que seguem no Parque do Bom Jesus.

• Unção ou das Lágrimas
Representa a unção de Jesus antes de ser sepultado. Estão representadas Maria, Cléofas, Verónica, Maria Salomé, Madalena, S. João, quatro varões e um centurião romano.

• Ressurreição
Jesus ressuscita, enquanto os guardas dormem. A imagem é da autoria do escultor bracarense João Gambino

Terreiro dos Evangelistas
A Via Sacra termina no Terreiro dos Evangelistas uma praça octagonal, rodeada de árvores e adornada com 4 fontes com estátuas dos evangelistas, as últimas três capelas, da Aparição a Maria Madalena, a Casa de Emaús e da Ascensão, tendo ao centro um chafariz ornamental.

Foto: http://www.skyscrapercity.com

O terreiro foi aberto nos anos 1750 - 1760. Em 1762 - 1765 - foram projectadas as três Capelas, provavelmente da autoria de André Soares e executadas pelos pedreiros António Ferreira, Cristóvão José Farto, Caetano Lourenço, Francisco Soares e Manuel Vivas. As imagens para as capelas, segundo risco do Padre Silvestre de Campos, foram executadas por António Monteiro e pintadas por Matias de Lis de Miranda, José Inácio, João Teixeira e filho, José Galego e José Alves.

Jardins do Santuário
Os jardins do santuário são espaços lindissimos, com canteiros cheios de flores, árvores centenárias, fontes, escadas, locais onde reina a paz e serenidade.

Foto:Olhares_Miguel


Elevador
O Elevador do Bom Jesus é um funicular que liga a parte alta da cidade de Braga, em Portugal, ao Santuário do Bom Jesus do Monte; é gerido pela Confraria do Bom Jesus do Monte. O elevador segue um percurso paralelo a uma escadaria monumental conhecida como Escadórios do Bom Jesus e termina na sua parte superior junto à estátua equestre de São Longuinhos.

Foto: wikipedia_Rui Almeida

Inaugurado em 25 de Março de 1882, a sua construção foi iniciada em Março de 1880 o Elevador do Bom Jesus, em Braga, constituiu o primeiro funicular construído na Península Ibérica. A iniciativa da sua construção deveu-se ao empresário bracarense Manuel Joaquim Gomes (1840-1894) e a direcção do respectivo projecto foi do engenheiro suíço Niklaus Riggenbach.

Parque Natural
O Parque do Santuário do Bom Jesus é constituído por uma mata, jardins, vários lagos artificiais (o maior com barcos para alugar), um campo de ténis, jardim infantil, praças, trilhos encantadores pelo meio da natureza.

Foto: wikipedia_Carlos Luis M C da Cruz

Site oficial dedicado ao Parque Natural do Bom Jesus do Monte: http://bomjesus.net/

Foto: wikipedia_Concierge.2C

Vá visitar, Vale a pena.

Fontes e Fotos: Wikipedia; http://www.skyscrapercity.com/; http://bomjesus.net/; Olhares;  outros

Foto: wikipedia_Antonio Amen

"A cultura é a busca da nossa perfeição total mediante a tentativa de conhecer o melhor possível o que foi dito ou pensado no mundo, em todas as questões que nos dizem respeito."
(Matthew Arnold)

12 comentários:

  1. Bom dia Maria,
    Adorei sua postagem sobre Parque Natural do Bom Jesus do Monte. Que coisa mais linda. Me deu até vontade de viajar para Portugal e visitar este local.
    Parabéns por nos trazer tamanha beleza, aguçando a nossa vontade.
    Um grande abraço.

    ResponderEliminar
  2. Um passeio maravilhoso através dessas imagens e dos textos tão educativos e culturais.Parabéns.

    ResponderEliminar
  3. Querida Maria.

    Parabéns, que lindo, amei o post.Que aula de história maravilhosa,que lugar lindo, quando for em Portugal vou visit-lo.

    Que Deus te abençõe, tenha um lindo dia.

    Beijos.

    http://www.acredite-emvoce.com/

    ResponderEliminar
  4. Maria
    Extraordinária reportagem! mesmo quem conhece fica atraido.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Um encanto de lugar, que nos preenche os olhos...

    "As grandes idéias surgem da observação dos pequenos detalhes." (Augusto Cury)

    http://www.eu-e-o-tempo.blogspot.com/

    http://www.lleandroaugustto.blogspot.com/

    Paz & Bem!

    Leandro Ruiz

    ResponderEliminar
  6. MARIA, já visitei o Bom Jesus, mas desconhecia seu histórico. É, de fato, maravilhoso! E o lugar é divino.
    Adorei esta postagem, que me fez recordar o passeio que lá fiz, há muitos anos.

    ResponderEliminar
  7. Maria: lindo, mas sabes conheço bem o Santuario do Bom Jesus de Brago como também conheço a Nossa Senhora dos Remédios em Lamego. De qualquer forma é sempre bom rever aquilo que conhecemos.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderEliminar
  8. Boa noite, Maria!
    Fiquei sem palavras.....simplesmente MARAVILHOSO.
    Obrigada por compartilhar!
    Beijos,
    Mara

    ResponderEliminar
  9. Olá, Maria

    Estive há uns anos em Bom Jesus de Braga e tenho vontade de lá voltar. Quando isso acontecer vou ver tudo com novos olhos.Desconhecia completamente
    o significado dos escadórios e a que são dedicados.Achei interessantíssimas as dedicatórias aos escadórios dos 5 sentidos e das três virtudes.

    As imagens completam, na perfeição, todo o historial.

    Beijos
    Olinda

    ResponderEliminar
  10. Olá!
    Conheço o Bom Jesus de Braga mas estava pesquizando alguma matéria descritiva (para as minhas fotos que coloco no site Olhares), quando vi o seu blogue. Resolvi abri-lo e achei um trabalho maravilhoso. Por tal só lhe posso dar os meus parabéns e dizer-lhe que voltarei a visitá-lo.

    Daniel Ferreira

    ResponderEliminar
  11. Sensacional o texto. Obrigada por compartilhar de forma tão elucidativa as informações sobre o Santuário de Bom Jesus.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.