domingo, 26 de dezembro de 2010

O meu Natal


O Natal é sempre para mim uma altura mágica do ano, mas nem sempre as coisas correm como gostariamos e este ano na noite de Natal o meu Pedro estava doente, a Diana muito cansada pois tinha chegado a Lisboa cerca das 10h e estava também muitissimo constipada e os meus pais quando o Natal não é na minha casa (roda de 3 em e anos),  não vão jantar pois já não querem sair à noite. Apesar de tudo isto, o jantar em casa da minha cunhada foi muito agradável e estava tudo magnifico.


Os meus pais já são pessoas com uma idade bastante avançada e os problemas de saúde agravaram-se bastante do ano passado para este, por isso a minha mãe não se sentiu com forças para ir ao almoço habitual com toda a familia, mas convenci convencê-la a virem almoçar a minha casa, já que moramos bem pertinho.


Como o Pedro e a Diana estavam um pouco doentinhos até foi bom não sairem de casa.


Eu e as minhas "meninas", a mãe e a filhota.


Mesmo havendo alguns precalços pelo caminho é sempre uma alegria imensa poder comemorar mais um Natal com a familia. É sempre o renascer da Esperança de um novo Amanhã.
“Honrarei o Natal em meu coração e tentarei conservá-lo durante todo o ano.” Charles Dickens

5 comentários:

  1. Obrigada pelo belo comentário. E vejo que, apesar dos pesares, teve um lindo Natal, pois o principal motivo para ser feliz, é estar com quem nos faz feliz. Linda Família!

    ResponderEliminar
  2. Olá Maria,

    é isso mesmo. O mais importante é a família reunida. O meu foi em casa dos meus pais com todos os filhos e netos... uma casa cheia. Quase trinta pessoas à mesa!

    Um beijo.

    Ahh... passa pelo meu blog. Gostaria de poder contar contigo.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  3. olá minha querida amiga, que linda familia vc tem parabens, e um feliz ano novo para todos. bjus tere.

    ResponderEliminar
  4. Muito Lindo o seu dia de Natal, Maria querida.

    Beijo

    ResponderEliminar
  5. Bom dia Maria,
    Muito lindo seu quadro famiiar.
    Que Deus os abênçõe cada vez mais, é meu desejo.
    Um feliz natal atrasado, mas de coração.

    Abraço.
    Fernanda.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.