quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Bela Floresta - Poema de Allegra Lillith




Floresta antiga e mágica
Em meio às montanhas está dormindo
Escondida pela névoa, cada vez mais está indo
Do mundo real.

Logo ela só existirá
Em lendas de dias passados.
Floresta que dos Deuses
É o jardim encantado.

Floresta silenciosa
Em que país está perdida?
Deixou este mundo para sempre
E triste foi a despedida.

Tão majestosa
Em seus lagos encantados
No sagrado recanto.
É um sonho distante,
Agora tão longe da humanidade.
Bela Floresta
Maior que o medo é a saudade.


Allegra Lillith


11 comentários:

  1. É Maria, as florestas têm sumido desde sempre em nosso planeta, um dia, praticamente tudo era floresta, tenho medo de que um dia praticamente tudo venha a se tornar... Deus nos livre e guarde! Nem vou dizer!

    Um abraço!

    ResponderEliminar
  2. Uma oração ao encanto e beleza das florestas.
    Quantos segredos, lendas e medos vivem dentro das florestas que sobem as montanhas.
    Bonito poema e uma mensagem para meditar.

    ResponderEliminar
  3. Alô Maria, passei por aqui por sugestão do Quicas, li alguns dos seus posts....vou voltar bjs

    ResponderEliminar
  4. Linda poesia e floresta.Que sejam preservadas pois são um grande patrimônio do planeta!beijos,tudo de bom,chica

    ResponderEliminar
  5. Ela continua Majestosa...na nossa saudade..
    Beijo

    ResponderEliminar
  6. *
    a floresra,
    é um mar imenso
    de escamas verdes !
    ,
    conchinhas esverdeadas,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  7. Belo poema querida... tudo façamos para que elas sempre estejam perto de nós em todo o seu esplendor...beijinhos...
    Valéria

    ResponderEliminar
  8. Querida amiga, queira Deus que nossas florestas continuem majestosas, que parem com essa destruição, principalmente aqui no Brasil, onde a Amazônia está sendo devastada a cada dia. Logo não sobrará nada para fazer poesia. Beijocas

    ResponderEliminar
  9. Olá querida amiga:
    Tem um selinho¨"Premio Dardos" para voce eu o ganhei da amiga Verônica do http://mardeepoesias.blogspot.com. A regra deste selo é que devemos oferecê-lo, para nossos amigos blogueiros, para nos confraternizarmos, é um selo dedicado a quem divulga valores culturais, éticos...
    Este poema além de lindo simboliza uma preocupação que devemos ter com relação a natureza.
    Mil Beijinhos
    Léah

    ResponderEliminar
  10. Oi Maria querida, muita paz, os versos são lindos e a fotografia tambem. Um abraço carinhoso, Celina.

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.