domingo, 27 de junho de 2010

A vida é Linda

A vida é possível apenas por meio de desafios.


A vida é possível apenas quando você tem ambos, bom tempo e mau tempo, quando você tem ambos, prazer e dor, quando você tem ambos, Inverno e Verão, dia e noite. Quando você tem ambos, tristeza e alegria, desconforto e conforto.
A vida se move entre essas duas polaridades. Movendo-se entre essas duas polaridades, você aprende como ter equilíbrio.
Entre essas duas coisas, você pode aprender como voar até a estrela mais distante.


As dificuldades sempre existem, são parte da vida. E é bom que existam, ou não haveria crescimento.
Dificuldades são desafios. Elas o incitam a trabalhar, a pensar, a descobrir meios de sobrepujá-las.
O próprio esforço é essencial. Assim, sempre tome as dificuldades como bênçãos.
Sem dificuldades, estaríamos perdidos. Dificuldades maiores virão, e isso significa que a existência está cuidando de você, está lhe dando mais desafios.


E, quanto mais você os soluciona, maiores desafios estarão esperando por você.
As dificuldades desaparecem somente no último momento, mas esse último momento chega somente devido às dificuldades.
Assim, nunca tome negativamente qualquer dificuldade. Descubra o algo positivo nela para o seu aprendizado.
A mesma rocha que bloqueia o caminho poderá funcionar como um degrau.


E se não houvesse essa rocha no caminho, como você se elevaria?
E o próprio processo de ir acima dela, tornando-a um degrau, dá-lhe uma nova atitude de ser.


Quando você pensa criativamente sobre a vida, tudo é útil e tudo tem algo a lhe dar.
Nada é sem sentido.

Autor: OSHO


"A verdadeira função do homem é viver, não existir. Eu não gastarei meus dias tentando prolonga-los. Eu usarei meu tempo." (Jack London)

15 comentários:

  1. Boa noite, meu bem!!!
    Venho para deixar uma beijoca carinhosa!
    *************************************************
    E este poema para você

    "AMIGOS, ANJOS E FLORES

    Assim são os amigos...
    Assim são os amores...

    De tanto esperar... De tanto vagar... De tanto chorar...

    Hoje percebo que sozinha... Já não estou...
    E hoje ao despertar nesta linda manhã...
    Senti um gostoso aroma de flores...
    Senti a presença dos anjos...

    Novamente abro minha janela... Da alma e coração...
    E por ela vejo meus amigos...
    Que mesmo sendo do virtual...
    Apoiaram-me nas horas de solidão...

    Recebo sorrisos palavras de alento...
    E cercada de anjos percebo que...
    Sozinha eu nunca estarei...

    Hoje mais do que nunca confio...
    Na sabedoria extrema do Universo...
    Onde anjos de luz me guiam...

    Com toda a profundeza e nobreza...
    Da dádiva divina que é o amor...

    Eu tenho amigos poetas...
    Tenho amigos e amigas aqueles das horas incertas em dias de batalhas, "brigas"...
    Conto com amigos poetas!...
    Eles vêem em tudo amor...
    Não me aconselham, escutam são meus amigos...

    E ao clamor! Estão comigo e labutam (trabalhar duro e com perseverança)...

    Amigos poetas se calam...
    Me ensinam com a poesia as palavras as vezes falham...

    Harmonizam em melodia Na melodia poética dos versos e dos sentimentos...
    Nem tudo segue estética e se refazem nos "lamentos"

    Poetas escrevem das dores amores, da lua, do dia...
    falam de estrelas, de flores encantam, trazem alegria... "

    Desconheço a autoria.

    *****************************************************

    SÔNIA SILVINO'S BLOGS

    VÁRIOS TEMAS & UM SÓ CORAÇÃO

    ****************************************************

    ResponderEliminar
  2. Querida Amiga Maria, paisagens maravilhosas com um texto esmerado. A natureza é fantástica, tenha um lindo domingo...Beijocas

    ResponderEliminar
  3. Obrigado por esta mão ceia de bons conselhos.
    Quantas vezes andamos perdidos e nem reparamos que o tempo passou.
    É bom viver o nosso tempo aceitando esses desafios e crescendo sempre na luta para viver em plenitude.
    Cabe aqui um ditado :
    «Não acrescentes dias à tua vida, mas vida aos teus dias»

    ResponderEliminar
  4. "A vida é uma criança que é preciso embalar até que adormeça ,"

    Mais um post maravilhoso.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  5. Bonito 'discurso'....mas me encantam
    as imagens, sempre tão bem escolhidas...
    Adoro fotografia....e me 'vidro'...
    Beijo

    ResponderEliminar
  6. Hoje estou passando pra te fazer um convite, para conhecer o mais novo blog meu e da amiga, Marcia, conto com sua presença.
    O link é esse aqui;

    http://meninaspoderosasdoblog.blogspot.com/

    depois volto com tempo para ver esse post, pois gosto muito de tudo o que vejo por aqui.

    Bom domingo.

    beijooo.

    ResponderEliminar
  7. Maria querida...lindíssimo o texto...maravilhosas imagens...
    Tenha um lindo domingo amiga!
    Beijos
    Valéria

    ResponderEliminar
  8. Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através Zambeziana. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs



    Narroterapia:

    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.


    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.


    Abraços

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  9. Maria, quão bom foi vir aqui e ler palavras tão sábias!
    Tenha certeza que para mim foi de grande valia.
    Quero render louvores então, a elas, que vieram trazer ao leitor Antônio, outros horizontes.
    Um beijo em teu coração, um fraternal abraço.

    ResponderEliminar
  10. Maria...

    Às vezes me entristeço com as pedras no caminho, sobre o mau tempo metafórico, sobre o que deveria ser e não é...

    Sua poesia veio na hora certa, estava precisando mesmo ler algo assim hoje...

    Boa semana!

    Chris

    ResponderEliminar
  11. querida maria,
    obrigada pelo seu carinho!
    lindo e perfeito texto com divinas imagens.
    lindo domingo.. bjos.
    amei sua foto nova esta muito linda hehehehe

    ResponderEliminar
  12. Amiga querida passei apenas pra te deixar
    um abraço com todo o meu carinho.

    Boa semana! Beijos

    Arnalda Rabelo

    ResponderEliminar
  13. Maria, eu conheci seu outro blog e adorfei. Agora vim conhecer este aqui e fiquei encantada! Quanta sabedoria nas suas palavras! As imagens também são lindíssimas! Parabéns!

    ResponderEliminar
  14. Eu deixo aroma até nos meus espinhos,
    ao longe, o vento vai falando de mim.

    Cecília Meireles

    Amor & Paz & Poesias na sua semana!
    Beijos na alma.....M@ria

    ResponderEliminar
  15. A vida é mesmo assim, um vaivém de subidas e descidas, por vezes ingremes, por vezes suaves. Mas quando se tem alguém especial para partilhar essas subidas e descidas, tudo fica mais fácil.
    Beijinhos,

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.