terça-feira, 3 de julho de 2012

A voz do Búzio - Poema de Mª Isabel Soares




A voz do Búzio

Eu trouxe da praia
Um búzio bonito
Que tem um segredo
Em que eu acredito

Lá dentro escondido
Alguém a chamar…
Ponho-o ao ouvido
Escuto a voz do mar

O mar e o sol
E a praia inteira
Guardados num búzio
Na minha algibeira

Mª Isabel Mendonça Soares





"Por vezes sentimos que aquilo que fazemos não é senão uma gota de água no mar. Mas o mar seria menor se lhe faltasse uma gota."( Madre Teresa de Calcutá )

3 comentários:

  1. Olá Maria bom dia,
    Que belo poema e imagem.
    A voz do mar que nos fala ao ouvido através dos búzios...
    A areia dourada e sol tão apelativos.
    Beijinhos e votos de um dia feliz.
    Ailime

    ResponderEliminar
  2. Muito lindo este poema... doce semana minha querida amiga,beijinhos
    Valéria

    ResponderEliminar
  3. Um belo poema, encerrando uma fantástica frase...

    Paz e bem!

    Cumprimentos;

    Leandro Ruiz

    www.lleandroaugustto.blogspot.com

    www.eu-e-o-tempo.blogspot.com

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.