sexta-feira, 1 de julho de 2011

Quando Falar de Amor


Que a nossa caminhada pela vida nos permita aprender, melhorar o nosso eu, crescer interiormente, e sermos como a flôr de lotus que emerge das águas lodosas e escuras, para a luz do sol, brindando-nos com as suas belas, imaculadas e puras flores.



Quando falar de amor, finja nada conhecer, para absorver cada frase que brota em seu coração.

Quando falar sobre a dor, deixe abertas as janelas da alma para compreender que amor e dor são tão parecidos que até os confundimos, ao vê-los bem de pertinho.

Quando falar sobre a paz, faça-o no rumor da guerra, para ser ouvido na mais alta voz.



Quando falar sobre sonhos, acorde, para vivê-los na melhor lucidez do seu dia.

Quando falar de amizade, estenda a mão aos inimigos, para que possa provar a si mesmo aquilo que gosta de dizer aos outros.

Quando falar de fome, faça um minuto de jejum, para lembrar daqueles que jejuam todos os dias.




Quando falar do frio, abrace alguém.

Quando falar de calor, estenda a mão.

Quando estender a mão, sustenta o braço para que perdure.

Quando falar de felicidade, acredite nela.



Quando falar de fé, cerre os olhos para encontrar a razão daquilo em que crê.

Quando falar de Deus, faça-o pelo silêncio do seu testemunho.

Quando falar de si mesmo, aprenda a calar, para entender o amor, a dor, a paz, os sonhos ….

Paulo Cardoso Pacard



"Aprenda como se você fosse viver para sempre. Viva como se você fosse morrer amanhã."(Mahatma Gandhi)

6 comentários:

  1. Olá amiga Maria!
    Já estou de volta, mas só agora estou chegando aqui ao pé de si, estive durante algum tempo em viagem e agora que cheguei tenho tudo por fazer, até um pequeno jardim, que tenho em frente à minha casa onde eu semeio quase tudo, os tomates amadureceram antes do tempo as alfaces secaram, os coentros a salsa e tanta coisa, disse ao meu filho para regar dia sim dia não, ele disse que regou só uma vez, e eu acho que ele não regou nenhuma, e não é nenhuma criança.
    Um beijinho grande para si.
    José.

    ResponderEliminar
  2. Se estivermos atentos, tanto que podemos aprender fácilmente!
    Bom fim de semana
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Querida Maria, muita paz, eSTAVA PARA VER VERSOS E FLORES TÃO LINDAS, OBRIGADA AMIGA POR COMPARTILHAR TANTA BELEZA, uM BOM FINAL DE SEMANA PARA VC E FAMILIA. uM ABRAÇO CARINHOSO . cELINA

    ResponderEliminar
  4. ჱܓOlá, amiga!
    。°✿

    Amei... muito alegre... muito alto astral.

    Bom fim de semana!
    Beijinhos.
    Brasil

    ✿✿♪

    ♫° 。✿ ✿ჱܓ

    ResponderEliminar
  5. Que canrtinho mais perfumado, já estou seguindo... Olá sou a Lindalva da Ilha, idealizadora do ostra da poesia e vim firmar que teu voto foi computado com sucesso para o pena de ouro... Beijos e afagos no coração!

    ResponderEliminar
  6. Querida amiga boa noite
    Vim pedir o seu votinho para a minha poesia
    Precisamos
    Link da votação

    http://ostra-da-poesia-as-perolas.blogspot.com/

    para que o voto seja valido se votar no moral da poesia que fica abaixo das poesias, precisa fazer seu comentario deixar seu nome e seu link
    desde ja lhe agradeço de tudo o coração
    Tenha um lindo final de semana
    Maria Alice

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.