sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Doenças Cardiovasculares – Ataque Cardíaco


Há uns dias atrás um familiar de uma pessoa minha amiga, faleceu de repente de Enfarte do Miocárdio. Tinha apenas 52 anos e isso levou-me a pensar sobre a doença e a pesquisar um pouco sobre o assunto. Fiz uma síntese do que me pareceu mais relevante.

As doenças cardiovasculares afectam o coração e os vasos sanguíneos circundantes e podem assumir muitas formas, tais como hipertensão arterial, doenças coronárias, doenças cardíacas e acidentes vasculares. São uma das principais causas de morte no mundo. Elas ocorrem repentinamente e necessitam de decisões rápidas, por isso nunca é demais falar sobre este tema.

O que é um ataque cardíaco?

Um enfarte do miocárdio (ou ataque cardíaco) ocorre quando a corrente sanguínea das artérias coronárias que irrigam o coração fica bloqueada e parte do coração não recebe oxigénio em quantidade suficiente.

O coração é um músculo e como os outros do corpo, precisa de oxigénio, que é fornecido pelo sangue dos vasos sanguíneos, conhecidos como artérias coronárias. Um coágulo sanguíneo em uma dessas artérias pode bloquear o fluxo de sangue para o músculo cardíaco fazendo com que o coração deixe de funcionar correctamente.

Quais são os sintomas?

- Dor no meio do peito.
- Dor no braço esquerdo ou dor no queixo.
- Falta de ar.
- Suor intenso.
- Náuseas.
- Desfalecimento.


Pode não se sentir nunca uma primeira dor no peito, durante um ataque cardíaco. 60% das pessoas que tiveram um ataque cardíaco enquanto dormiam, já não se levantaram.



Em caso de suspeita de ataque cardíaco, deve:


1. Chamar o 112 ou dirigir-se de imediato a uma urgência hospitalar, porque é nas primeiras horas que ocorrem mais arritmias mortais. A assistência médica atempada é fundamental para, através da administração de anticoagulante, dissolver o trombo (coágulo) que está a entupir a artéria coronária.

2. Tomar uma ou meia aspirina. O ácido acetilsalicílico presente na aspirina vai diminuir a coagulabilidade do sangue e, por conseguinte, pode atrasar a formação do trombo.

Os Ataques cardíacos são possíveis durante descanso ou exercícios, por isso mais vale uma 'falsa emergência' do que não atrever-se a chamar e perder a vida...

Quais são os factores de risco?


A idade e a história familiar encontram-se entre as condições que aumentam o risco de uma pessoa vir a desenvolver doenças no aparelho cardiovascular. Contudo, existe um outro conjunto de factores de risco individuais sobre os quais podemos influir e modificar e que estão, sobretudo, ligados ao estilo e ao modo de vida actual.

• Tabagismo
• Sedentarismo
• Diabetes e obesidade
• Maus hábitos alimentares
• Hipercolesterolemia (valores altos de colestrol)
• Hipertensão Arterial
• Stress excessivo

Como prevenir um ataque cardíaco?


É possível reduzir o risco de doenças cardiovasculares através da adopção de um estilo de vida mais saudável:

- Não fumar
- Se tem diabetes, tentar mantê-los sob controle.
- Consumir álcool com moderação
- Fazer exercícios regularmente, sob orientação médica.
- Usar o sal com moderação.
- Controlar regularmente a pressão arterial, nível de açúcar e gorduras no sangue.
- Comer alimentos pobres em gordura e colestrol.
- Modificar os hábitos, evitando situações de stress

A prevenção deve começar mais cedo para os indivíduos com história familiar de doença cardiovascular precoce ou morte súbita.

Suas Mensagens


"A maior riqueza é a saúde." Ralph Waldo Emerson

5 comentários:

  1. por favor me ajude na constraçao d um projecto sobre as doeças cardiovasculares..
    slamy_93@hotmail.com-- respondam para o ail.. obg

    ResponderEliminar
  2. ok acheu bastante interesante, bjos fica bem

    ResponderEliminar
  3. Belas imagens, são lindas! Parabéns para o blogue, está muito bem!

    ResponderEliminar
  4. Bem dito!!!! A maior riqueza e a vida e a saude!!! Aproveita cada dia como se fosse o teu ultimo dia de vida!: eis o meu lema!!!!

    ResponderEliminar
  5. Obrigada por me ajudarem com este blog,ele foi essencial para que eu pudesse tirar minhas dúvidas

    ResponderEliminar

“Aqueles que passam por nós, não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si, levam um pouco de nós” (Antoine de Saint-Exupery).

Obrigado pela sua visita e pelo carinho que demonstrou, ao dispensar um pouco do seu tempo, deixando aqui no meu humilde cantinho, um pouco de si através da sua mensagem.